BR 304: Acidente trágico com servidor da Ufersa reacende campanha pró-duplicação

Palco do fatídico acidente automobilístico que ocorreu segunda-feira (15) e que ceifou a vida do técnico-administrativo do Campus Angicos da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa), Jansen Câmara Bezerra, de 39 anos, a rodovia federal BR 304 é pivô de uma campanha que ganha propagação pelas redes sociais em defesa do projeto de sua duplicação.

Natural de Natal, mas com sua família detentora de fortes vínculos com o Assú, Jansen Bezerra, que era casado e deixou órfão um filho de somente um ano de idade, ocupava o cargo de contador do Campus Angicos da Ufersa desde 2011, onde exerceu por cinco anos a função de coordenador de Planejamento e Administração.

Aparentemente, a perda da vida dele se constituiria na principal motivação para a nova ofensiva popular em defesa da duplicação da BR 304.

%d blogueiros gostam disto: