Sesed confirma novas ocorrências e número de ataques no RN chega a 111


A Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social do Rio Grande do Norte atualizou, na manhã desta quarta-feira (10), a quantidade de atos criminosos ocorridos no estado nos últimos dias. Segundo a Sesed, que também confirmou os atentados registrados no domingo (7) em Montanhas e Senador Georgino Avelino, e também os que aconteceram em Natal nesta terça (9), sobe para 111 o número de ataques. Até o momento, 38 cidades potiguares foram alvos dos bandidos, e 109 pessoas já foram presas suspeitas de participação direta ou de envolvimento nos crimes.

Os outros dois atentados, os mais recentes, ocorreram nesta terça (9) na capital potiguar. Durante a madrugada, uma base da Polícia Militar foi incendiada no conjunto Parque das Dunas 6, no bairro de Pajuçara, na Zona Norte da cidade. Pela manhã, um grupo tentou colocar fogo em um ônibus no bairro de Mãe Luíza. Uma equipe da PM que fazia ronda na região conseguiu impedir a ação dos bandidos. Três suspeitos fugiram, mas um adolescente foi apreendido.

Presídio com 600 vagas será construído em Afonso Bezerra/RN

O novo presídio estadual, com capacidade para 600 detentos, será construído no município de Afonso Bezerra, distante 168 quilômetros de Natal. A informação foi confirmada pelo Governo do Estado, que aguarda a assinatura do Termo de Recomposição Creditícia com o Tribunal de Justiça do Estado para iniciar a fase processual para a construção da unidade.

Segundo o governo, o termo está em fase final de elaboração e deverá ser assinado nos próximos dias, mas ainda não há uma data definida para que isso aconteça. O projeto é que o presídio seja construído, nos moldes da cadeia pública de Ceará-Mirim, ainda em obras, em uma área do Estado com sete hectares, localizada em um distrito de Afonso Bezerra, longe da zona urbana


RN chega ao 12º mês seguido de queda nas vendas


As vendas do Comércio Varejista Ampliado potiguar registraram, em junho, queda de 11,2% em relação a igual período do ano passado. Com isso, o acumulado do primeiro semestre de 2016 no Estado já mostra uma queda de 10,3%, um percentual muito acima do 1,9% de queda registrado nos seis primeiros meses de 2015 e até mesmo dos 5,9% negativos registrados ao longo de todo o ano passado. Com o número de junho, o RN também confirmou um novo recorde: pela primeira vez, desde o início da série histórica do IBGE (em 2005), o comércio do Estado registra 12 meses seguidos de retração em suas vendas.
Os números foram divulgados na manhã desta terça-feira (9), pelo IBGE, e voltam a ratificar o momento delicado pelo qual o setor de comércio do RN, um dos mais importantes da economia potiguar, está passando. Os dados do IBGE mostraram, ainda, que a queda nas vendas é generalizada. Em junho, todos os 11 segmentos pesquisados tiveram declínio nas vendas, com destaque para os de Equipamentos e Materiais para Escritório e Informática e Livros, Jornais e Revistas, ambos com 18,3% de redução. Os segmentos de Veículos (-12,4%) e  de Materiais de Construção (-9,8%) também se destacam negativamente.
“Há indicadores nacionais que nos mostram um início de melhoras no quadro econômico, como, por exemplo, a inflação começando a cair, além de revisões, para cima, do PIB. Mas, infelizmente, nas vendas do comércio potiguar, batemos mais um recorde negativo. Pela primeira vez na história temos um período de 12 meses seguidos de queda nas nossas vendas. O acumulado de 10,3% de queda nas vendas ao longo do primeiro semestre também nos preocupa, sobretudo porque nos força a projetar para este ano uma queda muito acima dos 5,9% que caímos no ano passado. O reflexo disso, claro, aparece no nosso potencial de geração de emprego, que está se esvaindo à vista de todos. É um círculo vicioso muito preocupante”, alerta o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do RN, Marcelo Queiroz.
O empresário afirma que o momento é de união, entre o setor produtivo e os poderes públicos, com vistas a encontrar alternativas para contornar o quadro atual de dificuldades, especificamente no segmento de comércio. “Já determinei à equipe técnica da Fecomércio que possamos preparar um conjunto de ações e medidas que tenham impacto no mercado e contribuam para que possamos retomar o rumo do crescimento”, reforça Queiroz.

UMA MAQUINA OLIMPICA: Em um intervalo de 73 minutos, Michael Phelps conquista 2 medalhas de ouro


Michael Fred Phelps 2º subiu 25 vezes ao topo do pódio em Olimpíadas. Cada medalha teve uma história diferente. A primeira, em 2004. A oitava seguida e o feito histórico, em 2008. A 19ª e o recorde de láureas nos Jogos. A do adeus, em 2012, e a do retorno, em 2016.

Em nenhuma delas, no entanto, pareceu tão emocionado quanto na 25ª, sua primeira conquista individual no Estádio Aquático do Rio. Ele estava, realmente, de volta.

A vibração começou na piscina. Aos 31 anos, Phelps entrou para os 200 m borboleta ainda sob a dúvida do que seria possível esperar de seu retorno –o ouro do revezamento 4 x 100 m havia dado uma pista de que poderia ser rápido novamente.


O norte-americano virou os primeiros 50 m em segundo, depois ganhou a liderança para não perder mais.

Marcou 1min53s36, seguido por Masato Sakai (1min53s40) e Tamas Kenderesi (1min53s62). Chad Le Clos, algoz de Londres-2012, que havia quebrado sua invencibilidade na prova, amargou o quarto lugar.


Phelps vibrou, esticou o dedo mostrando quem é o número um. Depois se sentou na raia e ergueu os dois braços, ovacionado pela torcida.

Pediu mais gritos e foi atendido. A ovação havia começado antes mesmo de ele entrar na água quando sua imagem na sala de controle apareceu no telão.

No pódio, Phelps parecia mais feliz do que de costume. Entrou sorridente, só não sabia se curtia o momento ou se alongava, já que teria de nadar outra prova em pouco mais de uma hora.

Durante o hino nacional dos EUA, o atleta, nascido em Towon, no Estado de Maryland, apertou a boca, respirou fundo e segurou uma lágrima que encharcava o olho e ameaçava cair.


Phelps emocionado no pódio foi uma raridade. Mas ele já havia avisado que estaria mais emotivo do que antes.



Senado torna Dilma Rousseff ré em processo de impeachment

A presidente afastada Dilma Rousseff irá a julgamento por crimes de responsabilidade e pode perder definitivamente o mandato. Essa foi a decisão tomada pelo Plenário do Senado na madrugada desta quarta-feira (10), por 59 votos a 21, na conclusão da fase de pronúncia do processo de impeachment contra Dilma. 
O julgamento final terá início no fim deste mês, em data ainda não definida oficialmente.
A votação concluiu uma sessão iniciada na manhã do dia anterior e que durou cerca de 17 horas. Ela foi presidida pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski. 
Foram 47 discursos de senadores e manifestações dos advogados da acusação, Miguel Reale Júnior, e da defesa, José Eduardo Cardozo.
Essa foi a segunda derrota de Dilma Rousseff desde a chegada do processo de impeachment ao Senado. A primeira, em 12 de maio, resultou na abertura do processo e no afastamento temporário da presidente. Na ocasião, 55 senadores votaram pela admissibilidade do impeachment e 22, contra.
A partir de agora, abre-se um prazo de 48 horas para que a acusação ofereça seu libelo (narração do fato em julgamento e pedido da pena) e indique até seis testemunhas para serem ouvidas em Plenário. Logo depois, a defesa terá outras 48 horas para apresentar o seu contraditório, além de também indicar até seis testemunhas.
Concluída essa etapa, Lewandowski marcará a data do início do julgamento, notificando as partes com antecedência de dez dias.

Empresa potiguar lança aplicativo que substitui agenda de papel nas escolas

Uma empresa potiguar criou um aplicativo que pode substitutir as agendas de papel nas escolas. O ‘Easy School’ esteve em teste desde o início do ano e a versão final foi concluída em julho. Através dele, é possível saber a rotina da criança na escola, além de ter acesso ao calendário escolar, avisos e trocar mensagens diretas em um canal seguro entre pais e professores.
Diferente dos aplicativos comuns de mensagens – que todo mundo possui e qualquer pessoa pode usar – o aplicativo de comunicação escolar funciona num ambiente seguro e restrito, controlado pela direção e secretaria da escola, onde apenas os pais e familiares autorizados acessam as informações dos alunos.
O professor registra no aplicativo a participação de cada aluno em atividades diárias. Para cada série, a escola define as perguntas e as alternativas que serão marcadas pelo professor. Para a educação infantil, por exemplo, o professor pode dizer se o lanche da criança foi “Satisfatório, Metade, Menos da metade ou Não aceitou”. O professor fica responsável por preencher o conteúdo apenas da sua atividade ministrada e o pai visualiza qual professor aplicou cada conteúdo.
Na agenda tradicional, em uma sala com 15 alunos, o professor precisava escrever de caneta na antiga agenda de papel o mesmo planejamento 15 vezes, ou ainda, imprimir e colar diariamente na agenda do aluno que dobrava de volume e de peso ao final do ano. Além da economia de papel e demais insumos, a eficácia também acontece quando o professor registra individualmente a participação de cada aluno usando um celular.
Mesmo sendo uma solução tecnológica que está disponível 24 horas por dia na mão dos pais e dos professores, a rotina escolar não foi muito modificada. Assim como na época da agenda de papel, os professores têm um horário definido dentro do seu expediente para usar o celular em sala de aula para responder as mensagens dos pais e preencher os registros individuais dos alunos. A rotina do aluno só é liberada no aplicativo após o término da aula.
Para os pais, receber todas as informações praticamente em tempo real, também proporciona um melhor acompanhamento pedagógico dos alunos. Além disso, os pais também ficavam sem referências quando a antiga agenda de papel era perdida. Com o aplicativo, em qualquer smartphone é possível acompanhar sempre a vida escolar do aluno.

Terceiro simulado da ‘Hora do Enem’ é adiado para 3 de setembro

A abertura da terceira edição do simulado online do programa Hora do Enem, que estava agendada para começar no próximo sábado (13), foi adiada para o dia 3 de setembro. Promovido pelo Ministério da Educação , o simulado pode ser acessado por meio da plataforma de estudos Hora do Enem ( http://horadoenem.mec.gov.br/ ).
Segundo a Geekie, ferramenta usada como estrutura da Hora do Enem, nesta terceira edição, qualquer pessoa poderá participar do simulado. Basta se inscrever gratuitamente. O simulado estará aberto a partir do dia 2 de setembro, mas o MEC ainda não definiu durante quantos dias ele ficará disponível.
O simulado tem 80 questões no formato das provas do Enem (são 20 perguntas por prova) e duração máxima de quatro horas. Cada estudante pode fazê-lo uma vez, no horário que quiser, dentro das datas em que o simulado estiver no ar.
Nesta edição, uma das novidades é que a maior parte das questões em cada prova serão inéditas – antes, 75% das perguntas haviam sido retiradas de provas anteriores do Enem.
Após o fim do simulado, o estudante recebe na hora sua nota. A partir desta edição, os candidatos poderão também descobrir em que posição estão no ranking de estudantes que querem vaga no curso.
No primeiro simulado online, realizado entre 30 de abril e 1º de maio e repetido em 7 e 8 de maio deste ano, mais de 710 mil estudantes de 99,91% dos municípios brasileiros realizaram as provas, segundo o Ministério da Educação. Desse universo, 85% estudam em escolas públicas, 64% são mulheres e 46% fizeram a prova por telefone celular. O segundo simulado aconteceu entre 25 de junho e 3 de julho e contou com cerca de 380 mil participantes, segundo a Geekie.
O quarto e último simulado antes do Enem 2016 será liberado a partir de 9 de outubro. A edição deste ano do exame acontece nos dias 5 e 6 de novembro.

Publicado Edital para Concurso Público na Ufersa

O Diário Oficial da União desta segunda-feira, dia 8 de agosto, torna pública a realização de Concurso Público para provimento de cargos Técnico-Administrativos em Educação para o quadro permanente da Universidade Federal Rural do Semi-Árido, com cargo para os níveis superior (E), médio (D) e fundamental (C).
O concurso será executado pelo Núcleo Permanente de Concursos (Comperve) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), com a coordenação da Comissão Permanente de Processo Seletivo da UFERSA. A seleção para os cargos de que trata o Edital compreenderá provas de conhecimentos básicos e específicos, mediante aplicação de Prova Escrita (objetiva e discursiva – redação), de caráter eliminatório e classificatório.
Para os cargos de nível superior, o edital prevê uma vaga para Médico Veterinário, Pedagogia, Psicólogo e Técnico em Assuntos Educacionais. A remuneração é de R$ 3.666,54, correspondente ao Vencimento Básico, podendo ser acrescido de vantagens, benefícios e adicionais previstos na legislação. Já a taxa de inscrição é de R$ 90,00.
Para os cargos de nível de classificação D (nível médio) serão 05 vagas para o cargo de Assistente em Administração e uma vaga para Técnico de Laboratório/Área Biologia. A remuneração é de R$ 2.175,17 correspondente ao Vencimento Básico, podendo ser acrescido de vantagens, benefícios e adicionais previstos na legislação. A taxa de inscrição R$ 60,00.
Para o cargo de C, cuja exigência é nível fundamental, será uma vaga para Assistente de Aluno e Auxiliar de Saúde. A remuneração é de R$ 1.739,04, correspondente ao Vencimento Básico, podendo ser acrescido de vantagens, benefícios e adicionais previstos na legislação. A taxa de inscrição é de R$ 40,00.
O pagamento da taxa de inscrição segue até o dia 13 de setembro de 2016. Já a inscrição será feita, exclusivamente, via internet, a partir das 8h00min do dia 22 de agosto de 2016 até às 23h59min do dia 12 de setembro de 2016, observados o horário local de Natal.
As provas serão aplicadas no dia 09 de outubro de 2016, em Mossoró. Acesse AQUI a íntegra do Edital

Somos todos Silva: Rafaela conquista 1º ouro do Brasil na Olimpíada do Rio

É Silva, é da favela, é uma das milhões de brasileiras que tiveram uma infância pobre. A diferença é que o esporte transformou a vida de Rafaela, e cerca de quinze anos depois de ser colocada pelo seu pai em um projeto social que ensinava judô para evitar que o crime organizado a seduzisse, a menina carioca de 24 anos é a mais nova campeã olímpica do esporte mundial. 
Nascida e criada na famosa favela Cidade de Deus, Rafa enfileirou cinco adversárias e levantou uma contagiante torcida nesta segunda-feira, na Arena Carioca 2, no Parque Olímpico da Barra, para realizar o maior sonho de qualquer atleta no planeta, não importa de onde ele veio. 
Na final do peso-leve (até 57kg), a atleta de 1,69m se agigantou e venceu por wazari a judoca da Mongólia Sumiya Dorjsuren, líder do ranking mundial. É o primeiro ouro do Time Brasil na Olimpíada do Rio, a segunda medalha do país, após a prata no tiro esportivo de Felipe Wu, na pistola de 10m. A láurea de Rafa é a 20ª do judô nacional em Jogos Olímpicos, aumentando a vantagem da arte marcial de origem japonesa na disputa com a vela (17).
Acho que eu só tenho agradecer todo mundo que me deu forças. Treinei bastante para representar todo esse ginásio. Se eu pudesse servir de exemplo para crianças da comunidade, é o que eu tenho para passar para o judô. Treinei tudo que podia nesse ciclo, saía treinando, chorando, queria a medalha. Trabalhei o suficiente para conquistar. Para uma criança que cresceu numa comunidade, que não tem muito objetivo na vida, como eu, que sou da Cidade de Deus, e começou a fazer judô por brincadeira, agora sou campeã mundial e olímpica – vibrou Rafaela logo depois de sair do tatame.

Sindspan em Angicos realiza seminário sobre Fundeb


O Sindicato dos Servidores
Públicos Municipais de Angicos (Sindspan) realizou na manhã do ultimo sábado,
dia 06 de Agosto nas dependências da Câmara Municipal de Vereadores o
1º Seminário de Formação em FUNDEB. O referido seminário
teve como público-alvo os profissionais da área de educação que são filiados à
entidade sindical que os representa.

Foram
realizadas três palestras com profissionais altamente gabaritados para
dissertar sobre o tema proposto. 
O primeiro palestrante foi o Advogado Doutor Laércio
Nogueira com o tema: Analise sobre FUNDEB/FUNDEF.

Na
Segunda Palestra o ex-presidente do conselho de Educação de São José de Mipibu,
Secretario Geral da CUT, vice-presidente da FETAM Marcelo Dantas de Medeiros que
falou sobre o tema: FUNDEB, suas perceptivas na atual conjuntura. 



E na terceira
e última palestra do dia o palestrante foi Francisco de Assis Filho Presidente
da FETAM-RN, que dissertou sobre o Tema: Informações sobre a hora aula e
atividades.

O
Seminário que foi organizado pelo Sindspan em Angicos teve a participação
efetiva de professores e outros profissionais de educação. De acordo
com o Presidente da entidade sindical representativa dos funcionários públicos
municipais de Angicos o Professor Francisco Batista Mariano essa é uma meta dos
Sindspan, ficar realizando estes seminários para que os profissionais filiados
adquiram mais conhecimentos sobre seus direitos e deveres. Brevemente o
Sindspan pretende realizar outros seminários direcionados a outras categorias
de filiados, encerrou o presidente.

       

As vítimas de Clemenceau Alves

Do Blog aclecivamsoares.com.br
A jovem Aluênia Alves, sobrinha do ex-prefeito de Angicos, Clemenceau Alves, proprietário do PMDB local, não pode ser considerada uma traidora por não acompanhar a decisão do tio de indicar o vice para compor chapar com o PSDB.
O mínimo que se pode dizer da atitude tomada por Aluênia Alves, é que ela foi corajosa. Que foi a primeira a dizer e mostrar ao proprietário do PMDB de Angicos, que ele pode até manter no cabresto outras pessoas, menos ela.
E ela mostrou isso de forma tranquila, clara, sem atropelar ninguém e sem querer passar por cima do proprietário do PMDB, apenas e tão somente se sentiu na condição de mostrar para os eleitores do PMDB e, principalmente, aqueles que lhe acompanha, que a imposição de candidaturas não se deve mais acontecer.
Aluênia, está sendo vítima, assim como foram diversas outras pessoas. Talvez, muitos não lembrem, mas, o Blog faz uma rápida passagem no tempo, não distante, é bem recente, mas como muitos tem memória curta, merece refrescar.
Para começar, o próprio Deusdete Gomes, foi uma das vítimas de Clemenceau Alves. Deusdete, enquanto vereador da legenda vinha se destacando. Talvez, isso tenha despertado Sosô que fez um jeitinho de expulsar Deusdete do PMDB.
O ex-vereador Neto de Dezim foi outra vítima. Muitos vão dizer que Neto de Dezim não conseguiu se reeleger vereador por que lhe faltou votos. Claro, é verdade. E muitos sabem que os votos que faltaram para Neto de Dezim se reeleger foram retirados por Clemenceau Alves para outros candidatos.
Nildo do Cabugi, outro candidato a vereador que foi derrotado por Clemenceau Alves. Saiu do partido para poder ter liberdade. Pelo menos foi isso que disse em uma entrevista ao mensário Jornal Central. Se queria liberdade, aprisionado estava se sentido.
João Maria Pinheiro também entra na quota do saco de maldades de Clemenceau Alves. Basta lembrar que Chagas Bernardes saiu candidato a vereador e arrastou alguns votos que eram de pessoas que votavam em João Maria. Nem se elegeu Chagas e muito menos João Maria.
Edileuza Palhares e Ozéas Palhares. Os dois foram derrotados por Clemenceau Alves. A época, existia até umas piadinhas que “era para lascar os dois pombinhos”.
Aluênia, outra vítima de Clemenceau, pois seus votos foram divididos com Tiago Braga. Ele conseguiu se eleger. Ela ficou na suplência.
Kell, esposa de Agecy Pessoa, também entra para o rol de Sosô, isso porque Kell era a candidata de Marcos Loló, candidato a vice-prefeito de Clemenceau.
E Marcos Loló e Agecy, embora não tenham percebido, foram filiados ao PMDB para que ficassem mantidos no cabresto do proprietário do PMDB de Angicos.
Ainda, os vereadores Clóvis Tibúrcio, Júnior de Chicola, Neto Maciel, Jalmir Dantas, Ednaldo Nunes de Lima “Nanal”, Adonias Baracho Filho “Ni” e, também, o próprio médico Ronaldo Teixeira.
Ufa!!! Quase que não acaba a relação dos traídos por Sosô.
Hoje, Aluênia está sendo a última, mas não a derradeira.
Quem viver, verá.

Angicos: Terra dos Alves sem candidato a prefeito do PMDB

SEM CANDIDATO NA CABEÇA DA CHAPA. PMDB DE ANGICOS CAMINHA PARA SER MERO COADJUVANTE NA MAJORITÁRIA.
Angicos, um dos municípios da Região Central do RN, berço que concebeu ao Rio Grande do Norte, expoentes da política, em especial ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), vivencia uma situação no mínimo curiosa. A sigla partidária, não terá candidato encabeçado chapa na majoritária nas eleições deste ano.
E o mais intrigante ainda, é que o partido em diversos outras cidades daquela microrregião indicou a cabeça de chapa, como exemplo de Afonso Bezerra; Caiçara do Rio dos Ventos; Fernando Pedrosa; Jardim de Angicos; Lajes; Pedra Preta; Pedro Avelino e Santana do Matos. Somente exatamente na Terra dos Alves, Angicos, que o PMDB sairá como vice na majoritária.
E para dar um maior “tempero” as observâncias acima, lembremos que o senador Garibaldi Alves e o ex-prefeito Clemenceau Alves, aparentemente endossam esta questão.
No caso, seria o PMDB, vice, com Pinheiro, na chapa encabeçada por Deusdete, que nas eleições de 2014, para governador, apoiou Robinson Faria, opositor de Henrique Alves.
Para “adornar” mais ainda este estranho passo que a sigla 15 mostra seguir em Angicos, o ex-prefeito Dr. Ronaldo, que é do PSB, tem um nome forte em citações no município, seja em dados ou mesmo conversas em esquinas, becos e guetos, apoiaria uma chapa onde um nome peemedebista fosse do candidato a prefeito.
Acompanharia ele, o atual prefeito Júnior Batista, que é dos quadros do DEM, porém, também abraçaria o postulante a prefeitura, se o PMDB indicasse o cabeça da majoritária.
Fiquem atentos, ouvidos no chão… Bacurais angicanos, nada satisfeitos com a situação, parecessem não querer votar em chapa majoritária que não tenha na ponta, um nome do PMDB.
A grande curiosidade, e saber por que Garibaldi e Henrique não quiseram candidatura própria em sua terra Natal…
Fontes: blog RN Política em dia/Aclecivamsoares.com.br

    Secretaria Municipal em parceria com o Ministério da Saúde proporcionam em torno de 100 mamografias para mulheres angicanas


    Apesar de algumas pessoas de
    forma hostil tentar omitir, é fato que nos dias 04 e 05 (quinta e sexta feira
    da semana passada) esteve em nossa cidade à unidade móvel do projeto amigo do
    peito, que coordenado pelo Ministério da Saúde e que só vem para as cidades
    potiguares quando existe interesse da gestão municipal em procurar a vinda da
    referida unidade.

    Desde o mês de Maio deste
    ano que a Secretária Municipal de Saúde Jocilene Ovídio Martins Chimbinha vem tentando
    trazer esta unidade móvel para o município de Angicos a fim de proporcionar às
    mulheres angicanas à realização de exames de mamografia que é primordial para a
    detecção da presença de alteração nas mamas das mulheres que pode vir ocasionar
    o desenvolvimento do câncer de mama.

    De acordo com a Secretária
    de Saúde de Angicos Jocilene Ovídio devido a grande procura pela unidade móvel do
    projeto amigo do peito, só agora a sua solicitação pôde ser atendida. E nos
    dias 04 e 05 de Agosto o veiculo esteve em nossa cidade onde atendeu em torno
    de 100 mulheres angicanas na faixa etária de 50 a 69 anos de idade, que é o período
    etário em que as mulheres estão mais suscetíveis ao aparecimento de nódulos mamários.


    A prefeitura municipal de Angicos,
    através da Secretaria Municipal de Saúde arcou com o apoio logístico total,
    desde a estadia dos profissionais que estavam atendendo na unidade móvel, até a
    sessão de funcionários do quadro para auxiliar no atendimento ao público alvo.
    Portanto, fica esclarecido
    que a unidade móvel amigo do peito só esteve em Angicos devido o pedido que
    fora feito pela Secretaria Municipal de Saúde. Isso é fato, e é uma realidade.
    Não adianta tentar omitir, tão pouco querer fazer politicagem, pois, saúde não
    tem partido. 

        

    Incêndio destrói pizzaria na cidade de Santana do Matos


    Por volta do meio deste domingo (07) um incêndio destruiu a PIZZARIA EXPRESS em Santana do Matos, a pizzaria fica dentro da praça de alimentação no centro da cidade.

    Ao perceberem o início do incêndio, alguns populares conseguiram controlar o fogo e retirar os botijões de gás que tinham dentro do prédio, mais a destruição foi quase que total, um prejuízo incalculável.

    A polícia militar esteve no local e descartou que o incêndio tenha sido criminoso, que provavelmente deve ter sido um vazamento de gás já que fazia poucos minutos que o proprietário esteve no local trocando o botijão.

    Fonte: Blog F Damião Noticias.

    Eleições 2016: Aplicativo Candidaturas 2016 já pode ser baixado para dispositivos móveis

    O aplicativo Candidaturas 2016 já está disponível para download nas lojas da Apple Store e Google Play, transmite informação colhida do site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

    A ferramenta permite que o eleitor tenha acesso por meio de dispositivos móveis às informações dos candidatos que irão concorrer às eleições municipais de outubro.

    Este ano, o App traz uma novidade: o eleitor vai poder acompanhar a prestação de contas na palma da mão.

    Todas as informações são obtidas diretamente das bases de dados do TSE e atualizadas três vezes ao dia: 8h, 14h e 19h.

    São informações disponíveis no App: nome completo do candidato, nome para a urna, número, situação do registro da candidatura, cargo, partido, coligação, link para o site do candidato e ainda informações de prestação de contas.

    O mesmo conteúdo do aplicativo está disponível no portal do TSE, onde é possível obter os dados completos dos registros de candidaturas em todo o Brasil, por meio do sistema de divulgação de candidaturas, o DivulgaCand.

    Frustração parte 2: Brasil fica no 0 x 0 contra Iraque e deixa campo sob vaias

    O roteiro parecia que seria diferente. Após deixar o campo sob vaias no empate diante da África do Sul, na última quinta-feira (4), a seleção brasileira voltou ao campo do Mané Garrincha neste domingo (7) e foi recebida com festa e aplausos. Mas a hostilidade do torcedor brasiliense se repetiu, assim como a incapacidade do Brasil de fazer gols e o consequente empate em 0x0, desta vez, contra o Iraque. 
    Na próxima rodada, a equipe de Rogério Micale encara a líder do grupo, Dinamarca, precisando desesperadamente da vitória para seguir em busca do inédito ouro olímpico.
    O Brasil começou o jogo bem, partindo para cima do Iraque. Logo no primeiro minuto, Gabriel Jesus teve boa oportunidade, mas o goleiro Mohammed Hameed defendeu. Poucos segundos depois, o atacante do Palmeiras cruzou rasteiro, mas não encontrou ninguém para empurrar para o gol.
    O capitão Neymar também teve boas chances. Aos 20 minutos, bateu por cima da meta. Aos 30 cabeceou para fora. Aos 41, parou na barreira ao cobrar uma falta na entrada da área. A melhor jogada do craque do Barcelona, contudo, foi aos 27 minutos, quando ele chutou e, no rebote, Gabriel marcou, mas, como estava impedido, o árbitro invalidou o gol.
    A única boa finalização da fraca seleção do Iraque veio aos 10 minutos de partida, quando o goleiro Weverton saiu errado e Abdul-Raheem cabeceou com perigo. O zagueiro Rodrigo Caio chutou a bola para longe da linha e salvou a seleção brasileira de tomar o primeiro gol.
    Após descer para o intervalo vaiada, a seleção voltou com mudanças. O técnico Rogério Micale apostou numa formação ofensiva e promoveu a entrada do atacante Luan no lugar do meia brasiliense Felipe Anderson. A alteração, no entanto, deixou alguns buracos no meio de campo e, com apenas seis minutos do segundo tempo, Micale tirou Gabriel Jesus – que deixou o campo sob fortes vaias da torcida – para colocar o meia Rafinha Alcântara.



    Mas nenhuma das substituições pareceu surtir efeito. Mesmo com novas boas oportunidades, o Brasil não conseguia chegar ao gol. Aos 27 minutos, Neymar bateu mais uma falta, mas a bola saiu após desviar na barreira. Thiago Maia chutou forte aos 32, mas o goleiro espalmou para fora. Houve tempo ainda para uma terceira troca. O lateral Douglas Santos saiu para a entrada do também lateral William. 

    A um minuto do fim do tempo regulamentar, o mesmo William chutou para fora. Já na prorrogação, Renato Augusto, sozinho, chutou por cima do gol vazio, sacramentando o novo empate.
    No fim do jogo, as vaias da estreia reapareceram. Mesmo durante a partida, a seleção já era alfinetada com gritos de “olê, olê, olá, Marta”. 
    Agora, a seleção brasileira viaja para Salvador, onde enfrenta a já líder do grupo A, Dinamarca nesta quarta-feira (10), pela última rodada da primeira fase. Já o Iraque pega a África do Sul, última colocada do grupo, em São Paulo.

    Após dois dias de trégua, RN volta a registrar ataque incendiário


    Após dois dias inteiros sem registrar nenhum caso que pudesse ser relacionado aos ataques criminosos que o Rio Grande do Norte vem sofrendo, a Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social do estado confirmou ao G1 que está investigando um incêndio ocorrido na madrugada deste domingo (7) em Senador Georgino Avelino, município distante pouco mais de 50 quilômetros de Natal. As chamas destruíram um ônibus, um caminhão e uma retroescavadeira em uma garagem da prefeitura.

    A garagem fica na zona rural do município, em uma comunidade chamada Carnaúba. “Tudo indica que foi um incêndio criminoso, causado por ação humana, mas ainda não podemos atribuir o ato a nenhuma facção”, informou a Sesed por meio de sua assessoria de comunicação. “A suspeita é de incêndio criminoso, mas o delegado de Polícia Civil da cidade é quem vai investigar o caso e dizer o que aconteceu”, reforçou o tenente-coronel Genilton Tavares, comandante da PM na região.
    Os ataques que vêm acontecendo no estado são reivindicados por uma facção criminosa insatisfeita com a instalação de bloqueadores de celular na Penitenciária Estadual de Parnamirim, cidade da Grande Natal. O primeiro caso aconteceu na tarde do dia 29 de julho, quando um micro-ônibus foi incendiado na BR-101, em Macaíba, também na região Metropolitana da capital potiguar. Em uma semana, a Sesed registrou 107 atos criminosos em 37 cidades. O último atentado havia ocorrido na manhã da quinta-feira (4). Ao longo deste período, 108 pessoas foram presas suspeitas de participação direta ou envolvimento nos ataques.
    Os principais alvos dos criminosos são ônibus, carros, prédios da administração pública e bases policiais. Um dos acessos ao Aeroporto Internacional Aluízio Alves, e até mesmo a vegetação do Morro do Careca – um dos principais cartões-postais do estado – também foram alvos dos atentados.


    Anos de descaso
    Para o secretário da Segurança Pública e da Defesa Social do Rio Grande do Norte, general Ronaldo Lundgren, afirmou que “tudo isso que estamos passando é resultado de anos de descaso, de falta de atenção e de investimentos em segurança pública“.

    Em entrevista ele também ressaltou que essa onda de ataques só começou porque o Estado, enfim, decidiu retomar o controle dos presídios. “O Estado começou pela Penitenciária Estadual de Parnamirim (PEP), na quinta-feira (28), a eliminar os escritórios do crime. Já nesse mesmo dia, ficamos de prontidão. Na sexta, assim que soube do ataque a um micro-ônibus em Macaíba, determinei que fosse iniciada a Operação Guardião. Essa ação, que envolve todos os órgãos de segurança pública que atuam no Rio Grande do Norte, tem por objetivo minimizar a reação dos criminosos. Avalio, após esse período, que nosso planejamento foi suficiente”.
    Ainda segundo Lundgren, os ataques foram cometidos ou tentados por ‘soldados do crime’. “São pessoas que têm dívidas de droga ou que realizaram ou tentaram fazer ataques em troca de R$ 50, R$ 100. Tudo isso a mando de chefes que estavam dentro de presídios. Para comprovar, todos eles tiveram que filmar o momento do ataque. Isso agora nos serve como prova contra eles”.
    Calamidade pública
    Mesmo diante de mais de uma centena de ataques, o secretário disse que o Estado ainda não estuda a possibilidade de decretação de calamidade pública na segurança potiguar. “Isso foi feito recentemente pelo Estado do Rio de Janeiro, mas foi por causa da Olimpíada e possibilitou mais investimentos sem uma série de trâmites burocráticos. Creio que, pelo menos por enquanto, ainda não haja essa necessidade no Rio Grande do Norte”.

    Lundgren disse que a Operação Guardião vai ser mantida até que os bloqueadores de celular sejam instalados nas unidades prisionais. Paralelamente, pelo menos até o dia 16 de agosto, as forças de segurança estaduais e as Forças Armadas seguem com a Operação Potiguar, iniciada na quinta-feira (4). Essa ação conta com 1.200 homens do Exército, da Marinha e da Força Aérea. Os militares ocupam os corredores de ônibus, principais avenidas, corredores bancários, acesso ao aeroporto e as entradas de Natal.
    Próximos passos
    Ronaldo Lundgren disse que o Rio Grande do Norte tem a chance, após essa onda de ataques criminosos, de restabelecer a paz. “Demos o primeiro passo, que foi instalar o bloqueador no PEP. Vamos continuar em outros presídios. Mas outras medidas de segurança pública também serão tomadas. Temos que criar mais vagas no sistema penitenciário, temos que investir na capacitação e promoção de nossos policiais, temos que fazer concursos públicos para as Polícias Militar e Civil. Vamos lançar o plano estadual de redução de homicídios e ampliar nossa política de polícia de aproximação. Digo que temos essa oportunidade porque a população do Rio Grande do Norte está do nosso lado, apoiando o combate à criminalidade”.


    Fonte: g1RN.com

    Prefeitura Municipal de Angicos realiza reparos em todo o percurso da estrada do Rio Velho


    Sendo uma das principais estradas vicinais (estrada de terra) que dão acesso a sede da cidade de Angicos, a estrada da comunidade rural do Rio Velho, que abrange também outras comunidades como: Volta, Bonfim, Pedra Branca, entre outras, passaram por um reparo geral em sua estrutura física, obra esta proporcionada pela gestão municipal angicana que tem a frente o Prefeito Junior Batista, que, junto ao seu assessor na secretaria municipal de obras Nascimento Otaviano acompanharam de perto os reparos que foram realizados pelo maquinário municipal.

    A estrada vicinal que dá acesso a essas comunidades rurais estava bastante castigada pela ação do tempo, e principalmente pela escassez de chuvas na região. Durante todo o dia de sábado (06) o maquinário municipal fez o reparo em todo o percurso da estrada vindo assim a facilitar o transito de pessoas que trafegavam cotidianamente nesta via rural.

    Esta é mais uma realização da gestão municipal do Prefeito Junior Batista em prol das famílias da zona rural do nosso município que sempre foi tratada com prioridade na atual gestão do município de Angicos.


       

    SIM, ELE PODE: Coligação “Todos Por Angicos” homologa chapa Doutor Ronaldo Prefeito e Grimaldi vice em Angicos


    Uma grande festa democrática
    e espontânea são alguns dos adjetivos que podemos utilizar para falar sobre a
    maior convenção já vista na historia politica de Angicos.

    Foi na noite desta sexta
    feira (05) nas dependências do clube municipal de Angicos, onde os partidos
    PSB, DEM, PSD e PEN oficializaram a união, por conseguinte, a coligação que
    recebeu a nomenclatura de “Todos Por Angicos” e o convencionais disseram sim à
    chapa que tem o ex-prefeito Doutor Ronaldo como candidato a prefeito e o
    vereador Grimaldi Alves (DEM) como candidato a vice-prefeito, além de um total
    de seis candidatos a vereador: Jalmir Dantas (PSB), “Katia de Deda” (PSD),
    Manoel Trindade (PSB), Creuza Batista (DEM), Lazaro Paulino (PSD) e Elizete
    Correia (PSD).  

    Uma multidão vestida de
    vermelho e azul compareceu e lotaram as dependências do clube municipal para dizer
    sim a chapa Doutor Ronaldo prefeito e Grimaldi vice-prefeito para as eleições do
    dia 02 de outubro vindouro.



    Um momento marcante na
    convenção foi à participação de 
    peemedebistas, os chamados “bacuraus”
    tradicionais de nossa cidade que foram prestar sua solidariedade a Doutor Ronaldo
    e dizer que estão com ele para prefeito, pois, não aceitam a imposição do “líder
    politico” angicano de desfazer a coligação chamada de “Juntos e Misturados” que
    deu uma vitória expressiva ao então candidato a Governador em 2014 Henrique Alves.

    Estes bacuraus tradicionais
    em Angicos foram conscientizados da forma impositiva em que o PMDB de Angicos
    partiu para outra chapa pela suplente de vereadora Aluênia Alves que reconhece
    o esforço de Doutor Ronaldo e do Prefeito Junior Batista na campanha de 2014
    para dar uma expressiva votação em Angicos, ao seu primo Henrique Alves,
    achando injusta a saída abrupta do partido da coligação “Juntos e Misturados”.

    Estiveram presentes a
    convenção para prestar solidariedade a Doutor Ronaldo bacuraus tradicionais de
    Angicos como “Manoel da Telha”, “Luiz da Vassoura”, “Colega” e família, membros
    da família “Capão”, Ronaldo Barros, “Zé do sacolão”, “Damião Barbeiro”, Zé Ítalo,
    “Miguel Arame”, “Irinha”, “Pedro Rico”,”Nilton Taxista, Karol, “Junior do Português” entre outros.   




    Doutor Ronaldo foi aclamado,
    abraçado, beijado e ovacionado pelos presentes a convenção com gritos de “Sim,
    ele pode”, onde os convencionais se referiam com essa expressão ao que pregam
    os adversários sobre Doutor Ronaldo não pode ser candidato a prefeito de
    Angicos, fato este que fora desmentido pelo Advogado Eleitoral Pablo Pinto que
    esteve presente à convenção e ao fazer uso da palavra expôs aos presentes que o
    direito de Doutor Ronaldo ser candidato a Prefeito de Angicos é legitimo.

    Foi uma linda festa onde os
    angicanos mostraram que querem Doutor Ronaldo de volta a prefeitura de Angicos
    junto com o vereado Grimaldi seu companheiro de chapa.



    O prefeito Junior Batista também
    esteve presente a convenção na qualidade de Presidente Municipal do Democratas
    (DEM), onde expressou o seu total e irrestrito apoio a chapa Doutor Ronaldo Prefeito
    e Grimaldi Vice Prefeito.
    Presente também esteve à pré-candidata
    a prefeita da cidade de Pedro Avelino Neide Suely (DEM) que veio representando
    o seu esposo o Deputado Estadual José Adécio que também manifestou seu total
    apoio a esta chapa, Doutor Ronaldo prefeito (PSB) e Grimaldi vice (DEM) para o
    bem de Angicos. 

    Eleições 2016: A partir deste sábado (06) começam vedações de propaganda eleitoral no rádio e na televisão

    A partir deste sábado (06), de acordo com a legislação eleitoral, as emissoras de rádio e televisão não poderão transmitir em programação normal ou noticiário, ainda que sob a forma de entrevista jornalística, imagens de realização de pesquisa ou de qualquer outro tipo de consulta popular de natureza eleitoral em que seja possível identificar o entrevistado ou que haja manipulação de dados.

    A nota contendo a informação ocupa espaço no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

    A Lei das Eleições (Lei nº 9.504/97) e a Resolução nº 23.457/2015 do TSE também vedam às emissoras veicular propaganda política ou difundir opinião favorável ou contrária a candidato, partido, coligação, seus órgãos ou representantes, além de tratamento privilegiado a candidato, partido ou coligação.

    Outra proibição é veicular ou divulgar, mesmo que dissimuladamente, filmes, novelas, minisséries ou qualquer outro programa com alusão ou crítica a candidato ou partido político, exceto programas jornalísticos ou debates políticos.

    A legislação também proíbe a divulgação de nome de programa que se refira a candidato escolhido em convenção, ainda quando preexistente, inclusive se coincidente com o nome do candidato ou com a variação nominal por ele adotada.

    Sendo o nome do programa o mesmo que o do candidato, fica proibida a sua divulgação, sob pena de cancelamento do respectivo registro.

    Os crimes na área eleitoral também são de ação penal pública. Desta forma, apenas o Ministério Público está autorizado a oferecer denúncia ao Judiciário por crime eleitoral.

    Os crimes eleitorais e as respectivas penas estão previstos nos artigos 289 a 364 do Código Eleitoral (Lei nº 4.737/1965). Os artigos 355 a 364 do Código Eleitoral definem como é o processo das infrações.

    %d blogueiros gostam disto: