Prefeitos potiguares vão a Brasília para evitar devolução de recursos do Fundeb



Nesta terça-feira (16), uma comissão de prefeitos potiguares, estará mobilizada em Brasília com o propósito de sensibilizar o governo federal em assuntos referentes à complementação da União ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). 


Integram a comitiva, os prefeitos de Vera Cruz, João Paulo Cabral; de Lajes, Luiz Benes Leocádio; de Santana do Seridó, Adriano de Oliveira; e, de Campo Redondo, Alessandru Alves, registra informação vinda da assessoria de imprensa da Federação dos Municípios do RN (Femurn), na capital do estado.

Os prefeitos querem a suspensão da cobrança da lista de unidades federativas que recebem aporte do Fundeb para complementação. Pelas previsões, os municípios teriam que devolver, até abril deste ano, R$ 192,4 milhões em complementações recebidas.

Dessa forma, explica a nota do órgão de comunicação da Femurn, o encontro intenciona negociar com o governo federal a possibilidade de o RN não ser penalizado com o erro do cálculo da União.

Além da abstenção da cobrança dos valores do Fundeb, os prefeitos também vão discutir as dificuldades dos municípios em relação à Lei Federal e em realizar a atualização do piso nacional salarial do magistério.

    %d blogueiros gostam disto: