Michel Temer Nomeia 22 ministros para seu governo, Norte-rio-grandense Henrique Alves volta ao Ministério do Turismo

O presidente interino Michel Temer (PMDB) liberou nesta quinta-feira (12) nomes de 22 integrantes de seu Ministério. 
A equipe foi empossada na tarde desta quinta feira (12) às 17 horas. O ex-ministro de Dilma Rousseff na Aviação Civil e novo chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, informou que faltava escolher os nomes para Minas e Energia e Integração Nacional. 

O potiguar Henrique Alves, homem de confiança de Temer preferiu retornar ao Ministério do Turismo de onde tinha pedido demissão após o rompimento do seu partido, o PMDB com a presidente Dilma Rouseff.

Segundo o próprio Henrique Alves a sua opção em voltar a pasta do turismo foi para dar continuidade aos projetos que o mesmo havia dado inicio quando de sua gestão no governo Dilma, principalmente os que beneficiam o nosso estado na área de turismo.

  • Advocacia Geral da União: Fábio Medina Osório, jurista 
  • Casa Civil: Eliseu Padilha, ex-deputado federal e ex-ministro de Dilma Rousseff (PMDB-RS)
  • Desenvolvimento Social e Agrário: Osmar Terra, deputado federal (PMDB-RS)
  • Trabalho: Ronaldo Nogueira, deputado federal (PTB-RS)
  • Fazenda: Henrique Meirelles, ex-presidente do BC no governo Lula (PSD-SP) 
  • Planejamento, Desenvolvimento e Gestão: Romero Jucá, senador e ex-ministro de Lula (PMDB-RR)
  • Secretaria de Governo: Geddel Vieira Lima, ex-ministro de Dilma (PMDB-BA)
  • Esporte: Leonardo Picciani, deputado federal (PMDB-RJ)
  • Relações Exteriores: José Serra, senador (PSDB-SP)
  • Cidades: Bruno Araújo, deputado federal (PSDB-PE) 
  • Agricultura, Pecuária e Abastecimento: Blairo Maggi, senador (PP-MT)
  • Saúde: Ricardo Barros, deputado federal (PP-PR)
  • Educação e Cultura: Mendonça Filho, deputado federal (DEM-PE)
  • Ciência, Tecnologia e Comunicações: Gilberto Kassab, ex-ministro de Dilma (PSD-SP) 
  • Transportes, Portos e Aviação Civil: Maurício Quintella Lessa, deputado federal (PR-AL)
  • Justiça e Cidadania: Alexandre de Moraes, secretário de Segurança Pública de São Paulo (PSDB-SP)
  • Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior: Marcos Pereira (PRB-ES)
  • Meio Ambiente: Sarney Filho, senador (PV-MA)
  • Turismo: Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN)
  • Defesa: Raul Jungmann, ex-deputado e ex-ministro de Fernando Henrique Cardoso (PPS-PE)
  • Gabinete de Segurança Institucional: Sérgio Etchegoyen (Chefe do Estado Maior do Exército Brasileiro)
  • Fiscalização, Transparência e Controle (ex-CGU): Fabiano Augusto Martins Silveira (conselheiro do Conselho Nacional de Justiça)
%d blogueiros gostam disto: