Governo do Estado decreta situação de emergência pela seca no RN

Resultado de imagem para secaO Governo do Estado do RN vai decretar, por 180 dias, situação de emergência pela seca em um total de 135 municípios, o que representa quase 81% das cidades potiguares.

O decreto será publicado na edição do Diário Oficial da próxima terça-feira (10), adianta informação da assessoria de imprensa do Governo do Estado, em Natal.

Para definir os municípios atingidos pelo decreto, o Comitê Estadual para Ações Emergenciais de Combate aos Efeitos da Seca se baseia em análises técnicas dos diversos órgãos que integram o comitê, incluindo relatórios de índice pluviométrico, de reserva hídrica no RN, fornecimento de água potável para a população e perdas na agricultura e pecuária, além dos dados do Monitor das Secas, da Agência Nacional de Águas (ANA).

A situação de emergência pela seca facilita o trâmite dos processos que envolvem obras e serviços que minimizem os impactos causados pela escassez de chuvas.

Os relatórios da Companhia de Águas e Esgotos do RN (Caern), que também embasam a decisão, mostram que dois municípios potiguares estão em colapso no abastecimento de água: Paraná e São Miguel.

Já as cidades quem ficam de fora da medida estão localizadas na faixa litorânea leste.

Todos os municípios inseridos no Decreto deverão realizar o Preenchimento do Formulário de Informações de Desastres (FIDE), na Plataforma do Sistema Integrado de Informações de Desastres (S2ID) da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (SEDEC) do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) – por meio do portal virtual www.s2id.mi.gov.br – para que a Defesa Civil envie o processo de pedido de reconhecimento federal.

%d blogueiros gostam disto: