Governo do estado anuncia concurso para professor com 1.400 vagas no RN

Governo-autoriza-concurso-com-12-mil-vagas-para-professores-em-MS

O Governo do Estado publicou na edição de ontem (30) do
Diário Oficial do Estado (DOE) o edital do concurso público de provas e títulos
para 1.400 cargos efetivos de professor e especialistas em educação. As vagas
são para nomeação imediata e formação de cadastro reserva da Secretaria de
Estado da Educação e da Cultura. Os salários são de R$ 2.013,39 e as inscrições
começam no próximo dia 9 de novembro.


As oportunidades são para diversas especialidades: Arte (38),
Música (89), Biologia (56), Educação Física (56), Filosofia (17), Física (41),
Geografia (54), História (53), Espanhol (18), Inglês (37), Português (108),
Matemática (72), libras-intérprete (140), libras-professor (60), Química (28),
Religião (16), Sociologia (19), além da área de Pedagogia, com 178 vagas para
nos iniciais, 146 para educação especial e 174 para suporte pedagógico.

O concurso será realizado sob a responsabilidade do Instituto
de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan) e
consistirá de duas etapas: provas objetivas de múltipla escolha de caráter
eliminatório e classificatório; e avaliação de títulos de caráter apenas
classificatório.

Pela internet, as inscrições serão realizadas a partir das
14h do dia 9/11 até às 23h59 do dia 7 de dezembro de 2015 pelo site
www.idecan.org.br. Os candidatos que optarem pela inscrição presencial poderão
realizar de 9 de novembro de 2015 até o dia 7 de dezembro de 2015, exceto
sábados, domingos e feriados, das 8h às 12h e das 13h às 17h. A taxa de
inscrição do concurso público é de R$ 65,00.

As provas serão realizadas simultaneamente nas cidades de
Natal, Parnamirim, Nova Cruz, São Paulo do Potengi, Ceará-Mirim, Macau, Santa
Cruz, Angicos, Currais Novos, Caicó, Assu, Mossoró, Apodi, Umarizal, Pau dos
Ferros e João Câmara, com data prevista para o dia 10 de janeiro de 2016. A
seleção dos candidatos constará de pontuação obtida nas provas e na avaliação
de títulos. O prazo de validade desse concurso será de dois anos, podendo ser
prorrogado por igual período.