Ensino no RN ganha destaque no ranking nacional da educação

O Rio Grande do Norte conseguiu emplacar duas escolas entre as 20 melhores do país, segundo ranking oficial do Ministério da Educação (MEC). Pelo segundo ano consecutivo, o Over conseguiu o primeiro lugar no Estado e figura entre os 10 melhores do Brasil, com nota 7,5. Já o Cei Romualdo Galvão ficou em 16º lugar na pontuação nacional, com nota 6,9.

Desde 2017, para medir a qualidade das escolas, o MEC passou a usar o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) como único indicador, deixando de divulgar o antigo ranking baseado nos microdados do Enem pois privilegiava manipulações por parte de algumas instituições.

“O modelo antigo era inapropriado, não refletia a realidade das escolas, não indicava a qualidade”, disse a ex-presidente do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), Maria Inês Fini. “Daí a importância de combinar as notas da Prova Brasil com as taxas de fluxo das escolas, gerando um panorama mais real do desempenho das instituições, qualificando o resultado.”

Com a prática ilegal das escolas de fazerem uma seleção de poucos alunos para serem avaliados pelo Enem, numa clara tentativa de burla e omissão dos alunos de “pouco rendimento”, o Ministério da Educação passou a considerar como único ranking o do SAEB (Sistema de Avaliação da Educação Básica).

Inclusive, foi o então ministro da Educação Mendonça Filho que classificou de “propaganda falsa” a estatística conferida pelos microdados do Enem. Recentemente, o MEC divulgou nota se posicionando sobre possíveis “rankings” extraoficiais: “Somos contra qualquer tipo de ranking construído a partir dos microdados. É inadequada a comparação e a exposição pública de escolas baseadas nessas informações”.

O Inep disponibilizou em seu site um guia para ver o desempenho por escola. Para acessar, basta informar o Estado, o município e a rede de ensino (estadual, federal ou privada) no link http://ideb.inep.gov.br/

Na classificação são avaliadas três séries: quinto e nono ano do Ensino Fundamental e terceira série do Ensino Médio.

Em outubro deste ano, será realizada uma nova prova que gerará um novo ranking a ser divulgado no segundo semestre de 2020.

%d blogueiros gostam disto: