Deoclécio receberá médicos do Walfredo, e cirurgias ortopédicas serão retomadas

As cirurgias ortopédicas voltarão a ser realizadas a partir desta quinta-feira, 7, no Hospital Regional Deoclécio Marques de Lucena, em Parnamirim. A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) conseguiu fechar nesta quarta-feira, 6, um acordo para que médicos cooperados que prestam serviços ao Hospital Walfredo Gurgel, em Natal, também atendam no município vizinho.

De acordo com o secretário adjunto de Saúde, Petrônio Spinelli, foi formalizada uma espécie de “parceria” entre as direções do Walfredo e do Deoclécio Marques para compartilhamento de médicos. Serão remanejados para o hospital de Parnamirim, em um primeiro momento, 50 plantões contratados originalmente pela unidade da capital.

A “parceria” entre os dois hospitais, que foi mediada pela Sesap, vai valer até que uma licitação seja concluída para escolher a nova empresa que vai fornecer médicos para realizar plantões no Deoclécio.

Spinelli ressaltou que o acordo será válido apenas para a realização de cirurgias e que terá como foco o atendimento aos pacientes que já estão internados na unidade. A meta é reduzir a fila de espera para cirurgias, hoje de cerca de 40 pacientes no hospital de Parnamirim. Há, ainda, outros 30 pacientes internados no hospital, mas que não aguardam por procedimentos cirúrgicos.

“O Hospital Deoclécio vai voltar a operar com foco nos que estão internados lá”, resumiu o secretário adjunto, ao falar com a reportagem do Agora RN na noite desta quarta-feira, 6.

O hospital de Parnamirim está sem realizar cirurgias ortopédicas desde o início da semana, quando a Cooperativa Médica do RN (Coopmed), que havia sido contratada pela Sesap para realizar o atendimento, encerrou a prestação do serviço. Um contrato entre as partes venceu em 31 de outubro e não podia ser prorrogado, segundo a Sesap, pois já estava em vigor em caráter excepcional.

Não há prazo para que a nova licitação para a contratação de médicos para o Deoclécio Marques seja concluída.

Portal Agora RN;

%d blogueiros gostam disto: