Apasa emite nota sobre suspensão do fornecimento para o programa do leite

APASAEm reunião acontecida no último sábado, dia 14, nas dependências da APASA, com os seus Conselheiros, o presidente Marcone Angicano, lamentavelmente informou que o contrato com o governo do estado, continua suspenso.

Segundo informou Marcone, a APASA cumpriu todas as determinações impostas pelo governo, inclusive enviando novas amostras examinadas, com laudos favoráveis e mesmo assim, o contrato continua suspenso. Ficou também determinado na reunião, que para a APASA continuar recebendo o leite inatura dos produtores, terá que reduzir os preços.

Sendo assim, o recebimento de leite caprino continua suspenso e o bovino, terá seu preço reduzido para R$ 1.25(hum real e vinte e cinco centavos) o litro, a partir de amanhã, dia 16 do corrente mês.

O presidente Marcone Angicano, lamentou de ter que tomar essa decisão, mas, no momento não tem alternativa para continuar recebendo o leite, até por que a produção recebida diariamente terá que ser repassada a outras usinas a um preço bem menor, quase a preço de custo. Logo que o contrato for renovado com o estado, a situação voltará a sua normalidade, concluiu Marcone.

A informação chega até no nosso noticioso por meio do querido amigo e ex-professor Anilton Souza, o “Galeguinho” de Fernando Pedrosa que é editor chefe do Blog Nossa Terra.

Seis morrem em acidentes nas rodovias federais do RN no feriadão

whatsapp-image-2017-10-16-at-18.10.54Seis pessoas morreram nas rodovias federais do Rio Grande do Norte durante o feriadão. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), 22 acidentes foram registrados nas BRs dentro do território potiguar entre a quarta-feira (11) e a noite do domingo (15).

Em Mossoró, dois jovens morreram após colidirem com uma Hillux na BR 110, próximo ao conjunto Monte Olimpo. Segundo a PRF, o veículo onde estava Adson Pereira, de 28 anos, e Joyce Fernandes, de 22 anos, entrou na BR sem observar que a caminhonete estava próxima. Na colisão, o carro dos jovens foi arremessado para fora da pista, e os dois morreram na hora.

O homem e a mulher que vinham na Hillux foram socorridos e levados ao Hospital Regional Tarcísio Maia. Eles sofreram ferimentos leves, mas a mulher continua internada em observação, de acordo com a polícia.

Segundo Roberto Cabral, chefe de Nucleo de Comunicação da PRF, a fiscalização nas rodovias federais tem aumentado a fim de evitar mais acidentes, mas não consegue estar em todos os pontos necessários.

Assecom/PRF.

Preço da gasolina cai após 8 altas seguidas

postodegasolinaemmanaus

O Preço da gasolina caiu na última semana, depois de ter subido oito vezes consecutivas, segundo dados divulgados nesta segunda (16) pela Agência Nacional de Petróleo (ANP).

De acordo com o levantamento, o preço médio por litro passou de R$ 3,887 para R$ 3,882, uma queda de 0,12%.

O Preço da gasolina caiu na última semana, depois de ter subido oito vezes consecutivas, segundo dados divulgados nesta segunda (16) pela Agência Nacional de Petróleo (ANP).

De acordo com o levantamento, o preço médio por litro passou de R$ 3,887 para R$ 3,882, uma queda de 0,12%.

Senado abre consulta pública sobre Estatuto do Desarmamento

download (1)

O Senado Federal abriu uma consulta pública em seu site para tratar do Estatuto do Armamento. A enquete coloca em discussão o projeto de lei 378/2017 – que sugere “disciplinar a fabricação, importação, comercialização, registro, posse e porte de armas de fogo e munição no território nacional”, perguntando ao internauta se ele concorda ou não com a proposta.

Até as 16h desta segunda-feira, mais de 4,5 mil pessoas já haviam votado a favor da ementa, enquanto cerca de 500 haviam se manifestado contra o projeto.

O projeto foi protocolado em 5 de outubro pelo senador Wilder Morais (PP-GO) e tem o objtivo de revogar o Estatuto do Desarmamento para criar o Estatuto do Armamento no Brasil. Entre outras mudanças, estabelece 18 anos como idade mínima para ter arma (hoje é 25 anos) e “validade mínima” de 10 anos para o registro (atualmente de cinco anos).

O texto vai na mesma linha que outro projeto que revoga o Estatuto do Desarmamento da Câmara. Essa proposta já passou em comissão especial e aguarda ser pautada no plenário. Entre outras mudanças, amplia as categorias profissionais com acesso à arma, reduz a idade mínima para ter arma de 25 para 21 anos e torna a posse permanente (sem necessidade de revalidação).

O Senado e a Câmara dos Deputados têm sites voltados para a consulta pública de diferentes projetos de lei e outras medidas em discussão no Congresso. Os resultados não têm impacto direto na matéria em questão, a ideia é envolver a população nas propostas.

Mas as consultas não deixam de ser uma ferramenta para que os parlamentares conheçam a opinião da sociedade sobre um determinado assunto, como este que versa sobre a segurança pública.

Agência Senado. 

Depósitos do PIS PASEP começam hoje, dia 17

pis-pasep-2016

A Caixa Econômica Federal estima que neste dia 17 serão creditadas automaticamente 193,9 mil cotas do PIS, com saldo total de R$ 148,3 milhões. A estimativa do Banco do Brasil é de 50,3 mil cotas do PASEP, com valor total de R$ 90,2 milhões. No total, R$ 238,5 milhões serão pagos de forma automática.

O período de saque dos valores começa quinta-feira, dia 19, em todo o país para os cotistas com mais de 70 anos. Em novembro, serão disponibilizados os recursos para os aposentados e, em dezembro, serão atendidos os demais cotistas beneficiados pelo critério de idade, ou seja as mulheres com idade superior a 62 anos e os homens com 65 anos ou mais.

Coordenador do Sindicato da UFERSA visita Campus de Angicos

e4b7f5bb-d080-4fde-9a78-a1f7106f2ad1A Coordenação da Seção Sindical do SINTEST/UFERSA está desenvolvendo atividades no Campus de Angicos. A medida é dialogar acerca da universidade e seu papel na formação das pessoas, bem como mostrar para a população o trabalho que o sindicato desenvolve na universidade. Para o coordenador geral, Allyson Bezerra, o papel do sindicato vai além de defender os servidores, mas de estimulá-los para que esses profissionais possam atender a comunidade da melhor forma possíve

“Nesta quarta-feira estaremos na UFERSA dialogando com os servidores e a comunidade acadêmica sobre a nossa universidade e o papel transformador dela na vida das pessoas”, afirma. Diante da conjuntura política do país, este também é um momento para falar sobre a importância de investimentos na educação e capacitação dos servidores , uma vez que está em trâmite o PLS 116/17, que permite a demissão do servidor público por ineficiência de desempenho aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), no dia 04 de outubro. 

Na tarde desta segunda feira, dia 16 de outubro o dirigente sindical esteve concedendo entrevista dentro do Jornal Cabugi Noticias da Rádio 104 FM de Angicos e falou a respeito de toda esta pauta que será tratada junto a servidores da Ufersa como também do corpo acadêmico e gestor da instituição de ensino superior local. 

Dentro da pauta definida pelo Sintest segundo Alysson Bezerra está visitas ao comercio angicano na busca de firmar parcerias que venham a beneficiar estudantes e funcionários da instituição de ensino superior federal aproximando ainda mais os angicanos da Ufersa.  

Foto: Val Costa. 

Redação: Rogério Magno.

Deputado Estadual José Adécio discute com a Caern soluções para melhorar abastecimento no interior

josé-adécio-caern-1024x624O deputado estadual José Adécio (DEM) se reuniu na manhã desta segunda-feira, 16, com o presidente da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) e o diretor de Operações da entidade, Marcelo Toscano e João Alberto Dantas, respectivamente, externando sua preocupação com o baixo volume d’água da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves e buscando opções para melhorar o abastecimento em algumas cidades.

Engenheiro civil de formação, o parlamentar ressaltou que há cinco poços com vazão acentuada no município de Afonso Bezerra e discutiu, com os representantes da Caern, técnicas que poderiam levar água às cidades de Guamaré, Macau, Alto do Rodrigues, Pendências, Angicos, Pedro Avelino, Lajes, Pedra Preta, Caiçara do Rio do Vento, Riachuelo e São Paulo do Potengi.

“Minha preocupação com essas cidades que sofrem com a estiagem aumenta a cada dia, pois há seis anos nosso Estado enfrenta a seca. Considero que a Barragem Armando Ribeiro encontra-se em calamidade. A reunião na Caern foi proveitosa e vamos continuar buscando opções para minimizar essa situação”, disse José Adécio.

Assecom/Dep. José Adécio.

IMD certifica a terceira turma dos cursos técnicos em Angicos e Mossoró

Marcel OliveiraO Instituto Metrópole Digital da Universidade Federal do Rio Grande do Norte realizou na última sexta-feira, 6, duas solenidades de certificação dos alunos dos cursos técnicos do IMD. A primeira aconteceu em Angicos, no Campus da UFERSA, no horário das 10h, e a segunda, em Mossoró, às 16h, no auditório da Pró-reitoria de Extensão da UFERSA.

Nas duas solenidades, o coordenador dos cursos técnicos, professor Marcel Vinicius de Oliveira destacou a importância dessa formação na vida dos alunos e o diferencial de se concluir esse curso no Instituto Metrópole Digital, sempre preocupado com a qualidade de formação de seus alunos. “O IMD sempre busca o melhor”, frisou.

O objetivo do IMD, disse ainda Marcel, é contribuir para que o Rio Grande do Norte se torne uma referência em Tecnologia da Informação.  Ele falou também das dificuldades enfrentadas com a diminuição de recursos, mas observou que essas dificuldades se transformaram em desafio.

A todos os formandos, o coordenador dos cursos técnicos deixa uma mensagem: a importância da continuidade da formação, continuidade dos estudo, pois a tecnologia avança a passos largos e qualquer intervalo  pode deixar o profissional para trás. Ele informou aos concluintes que o IMD/UFRN oferece diversas oportunidades de graduação e pós-graduação, assim como a UFERSA. “O meu conselho é: não parem de estudar”, concluiu.

Angicos

Em Angicos foram certificados 14 concluintes, nas habilitações de Informática para Internet e Rede de Computadores, que foram habilitados para atuarem na criação de sistemas para internet; montagem e manutenção de redes de computadores; instalação, manutenção e implementação de sistemas eletrônicos; dimensionamento, instalação e manutenção de sistemas de automação industrial; e criação de jogos digitais.

A solenidade foi presidida pelo professor Marcel Oliveira, diretor dos cursos técnicos do IMD, e contou com as presenças  do coordenador do IMD, Polo Angicos, professor Francisco de Assis Pereira Vasconcelos; o diretor do Centro Multidisciplinar da UFERSA Angicos, professor Araken de Medeiros Santos; e o pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação da UFERSA, professor Jean Berg da Silva, representando o reitor.

A oradora da turma, aluna Ednadja Mayara de Macedo, falou de sua certeza de que todos os concluintes levararão em sua bagagem “um pedacinho de sua turma, a lembrança dos momentos vivenciados nas aulas presenciais, dos eventos, dos papos furados, do lanches, comemorações e visitas técnicas”. Mayara agradeceu, ainda, a todos que contribuíram e partilharam de sua formação, fazendo-a crescer como profissional e ser humano.IMG_20171006_105401775_HDR

DSC00806O professor Francisco de Assis parabenizou os novos técnicos em Tecnologia da Informação, agradeceu a todos que o ajudaram a “tocar” o curso (Zamir, Diego, Washigton, Aline, Elise, Luana, Marlla, Denison e Etiene) e ao alunos, deixou uma mensagem: “sejam gentis, tenham coragem, educação, perseverança e bom humor”.

O professor Jean Berg destacou o papel da universidade na formação desses alunos, da parceria entre as duas universidades (UFRN e UFERSA) e os frutos que tem gerado. Ele reforçou o conselho do professor Marcel, para que os formando continuem estudando ou empreendendo, “sendo donos de seus destinos”, concluiu.

 Mossoró

No Polo Mossoró do Instituto Metrópole Digital foram 16 alunos certificados. A solenidade contou com a presença de Marcel Oliveira, coordenador geral dos cursos técnicos do IMD, da professora Angélica Félix de Castro, coordenadora do Polo Mossoró, e do vice-reitor da UFERSA, professor José Domingos Fontenele Neto.

Após a entrada e chamada dos concluintes para entrega dos certificados, o orador da turma,  Ramon Sarmento da Silva fez seu discurso agradecendo a todos que participaram desse processo de formação (incluindo universidades, professores, familiares e amigos), em especial ao Instituto Metrópole Digital.

Ramon Sarmento falou das expectativas iniciais do curso, dos questionamentos e da aprendizagem: “com o tempo aprendemos a importância dessa nossa formação profissional e à medida em que aprendíamos mais sobre o mundo de trabalho e sua importância, essas dúvidas viraram certezas e percebemos que era isso o que realmente queríamos”.IMG_20171006_165620124

IMG_20171006_162018487A professora Angélica Felix concorda que os concluintes dos cursos técnicos não devem nunca deixar de estudar: “ essa formatura não é o fim”, frisou. Ela destacou que é importante que eles tenham, sempre, compromisso com a verdade e com a honestidade.

O vice-reitor da UFERSA, José Domingos, parabenizou toda turma e também destacou a necessidade de uma formação continuada, mostrando os cursos disponibilizados pela UFERSA em Mossoró e Angicos. Mas também enfatizou que os formando “não precisam ser empregados. Vocês podem ser empreendedores. O mercado está aberto”.

Fonte: Assecom/IMD – UFRN.

Rosalba Ciarlini é a quarta política mais impopular do Brasil, aponta levantamento

rosalba-640x360A revista Veja publicou estudo em que divulgou quem são os cinco políticos mais impopulares de todo o Brasil. O destaque negativo para o Rio Grande do Norte ficou por conta da ex-governadora do estado Rosalba Ciarlini (PP), hoje prefeita de Mossoró, a quarta política menos querida do país. Confira abaixo a relação com todos os políticos da pesquisa da Veja.

Michel Temer — 3% 
O presidente alcançou a pior avaliação de um chefe de Estado desde a redemocratização na pesquisa CNI/Ibope de setembro, três meses depois de a PGR denunciá-lo por corrupção passiva. Na ocasião, o desemprego estava em 12,6% e Temer era criticado por ter baixado decreto que reduzia a proteção de uma reserva ambiental na Amazônia.

Luiz Fernando Pezão — 3% 
A gestão do atual governador do Rio está marcada por atraso de salários, crise na saúde, na segurança pública e financeira. A pesquisa Datafolha que apontou sua baixa popularidade saiu neste mês, quando a capital fluminense enfrenta picos de violência, com embates diários entre policiais e traficantes na Rocinha.

Paulo Garcia — 5%
O petista, que morreu em julho último, foi prefeito de Goiânia duas vezes. No segundo mandato (2012-2016), enfrentou a “crise do lixo”, com a paralisação da coleta devido à inadimplência com fornecedores. A imagem do PT na Lava-Jato, associada a promessas não cumpridas, contribuiu para sua baixa popularidade em 2014, segundo o Ibope.

Rosalba Ciarlini — 6%
Durante seu mandato (2011-2014) como governadora do Rio Grande do Norte, foi acusada de corrupção e chegou a ser afastada do cargo em 2013 por abuso de poder econômico na campanha eleitoral. Deixou o governo em 2014, quando obteve sua pior avaliação, em pesquisa do Ibope.

Celso Pitta — 4%
Morto em 2009, o prefeito de São Paulo assumiu o cargo em 1997, cortando investimento em infraestrutura e manutenção, o que levou ao acúmulo de lixo e mato nas ruas. Deixou a prefeitura em 2000, com treze processos por desvios de verba e um recorde de baixa aprovação no Datafolha.

Do Portal Agora RN. 

Comunidade católica angicana celebrou a santificação dos Mártires de Cunhaú e Uruaçu

DSCF2682

DSCF2685A comunidade católica da Paroquia de São José dos Angicos celebrou na noite deste domingo, dia 15 de outubro a  canonização ou santificação dos Mártires de Cunhaú e Uruaçu.

Ao todo foram canonizados dois padres, sendo eles: André de Soveral a Ambrósio Francisco Ferro e ainda o Leigo Matheus Moreira e mais 27 outros leigos que ofereceram suas vidas em sacrifício no longicuo ano de 1645 quando imperava no Rio Grande do Norte o Calvinismo pregado pelos Holandeses, onde estes matavam a todos que professassem outra fé, sendo que os mártires foram mortos por não negarem sua fé católica.

Seguindo orientação do Arcebispo Metropolitano de Natal Dom Jaime Vieira Rocha para que todas as missas neste domingo a noite fossem avotivas a esse momento histórico para o Rio Grande do Norte que agora ganha 30 novos santos para a igreja o Pároco Padre Severino da Silva Neto celebrou junto as fieis a santa missa solene na Igreja Matriz de São José em alusão a esta proclamação feita Pelo Papa Francisco na manhã deste domingo no Vaticano.

No momento da celebração eucarística o Padre Severino deu a benção a um novo quadro que agora passa a ficar exposto na igreja para que os fieis católicos rendam graças aos santos mártires de Cunhaú e Uruaçu.

Em sua homilia (sermão) Padre Severino fez questão enaltecer coragem de homens, mulheres e meninos que ofereceram suas vidas como sacrifício a fé que professavam. “Que o exemplo dos santos mártires sejam praticados no dia a dia por nós cristãos, que não neguemos a nossa fé, é preciso coloca-la sempre em primeiro lugar”, relatou o sacerdote.  

A nossa reportagem esteve presente na Igreja Matriz de São José na noite deste domingo, dia 15 e de forma exclusiva traz aos nossos leitores as imagens da celebração solene em homenagem aos santos mártires de Cunhaú e Uruaçu. DSCF2691

DSCF2693

DSCF2701

DSCF2702

DSCF2713

DSCF2710

DSCF2714

VIOLÊNCIA NA REGIÃO CENTRAL: Mais um homicídio foi registrado esse final de semana na cidade de Afonso Bezerra

arma-de-fogo

Na noite deste domingo, 15 de outubro, a polícia militar da cidade de Afonso Bezerra foi informada de que um crime de homicídio teria acontecido no município. Segundo informações, a vítima por nome Francisco Denilson da Silva, mais conhecido por “Aleijado” por ser deficiente físico, natural da cidade de Itajá.

Ainda de acordo com as informações, uma outra pessoa por nome Francisco Canindé, mais conhecido por “Boticário” teria sido atingido por estilhaços de raspão na perna, o mesmo já está em casa e passa bem.

Do final de semana passado até hoje já foram registrados 4 homicídios entre as cidades de Afonso Bezerra e Pedro Avelino aqui na região central potiguar. 

Governo do RN regulariza pagamento de aposentados e pensionistas nesta 2ª feira

2-3-613x460

O Governo do Rio Grande do Norte não conseguiu, como prometido, pagar o funcionalismo dos aposentados e pensionistas no último sábado.

De acordo com o governo, em virtude de problemas técnicos, que já foram solucionados, o pagamento não foi possível. Todavia, a nova data prometida é para esta segunda-feira 16.

O restante dos funcionários que recebem entre R$ 2 mil e R$ 3 mil receberam normalmente no sábado.

Ufersa implanta Centro de Monitoramento de Segurança Eletrônica com 837 câmeras instaladas, inclusive no Campus de Angicos

MG_4649-e1507921687911Atenta ao problema da insegurança que afeta e amedronta toda a região, a Universidade Federal Rural do Semi-Árido vem reforçando o seu sistema de vigilância interno com aquisição de novos equipamentos, capacitação da vigilância interna e também com a instalação de novas câmeras de monitoramento.

O Centro de Monitoramento de Segurança Eletrônica da Ufersa compreende mais uma etapa de um processo que se encontra em fase de implantação e desenvolvimento. A central mostra tudo o que acontece nos campi da Universidade em Mossoró, Angicos, Caraúbas e Pau dos Ferros. Ao todo, são 837 câmeras fazendo esse monitoramento nas áreas internas dos prédios e nas vias e espaços abertos com grande fluxo de pessoas e veículos. Segundo Kerginaldo Medeiros, responsável pela Diretoria de Serviços de Vigilância da Superintendência de Infraestrutura, praticamente todos os locais da Ufersa são observados e monitorados pelo sistema eletrônico. Profissionais capacitados se revezam para operar o sistema 24 horas, todos os dias da semana.

Na etapa mais recente do projeto foram adquiridas câmeras de alta definição, sendo algumas do tipo PTZ com “zoom” de até 30 vezes, distribuídas nos quatro campi da Universidade. As câmeras foram instaladas em locais estratégicos que conseguem mostrar e gravar de dia e a noite. Para se ter uma ideia, o novo sistema deixou quase todo o Campus de Mossoró monitorado.

Ainda de acordo com a Diretoria de Vigilância, o Centro de Monitoramento de Segurança Eletrônica da Ufersa é um dos mais modernos e avançados do Rio Grande do Norte, tudo isso para garantir mais segurança nos campi e ajudar na preservação do patrimônio público da Universidade. Ainda segundo Kerginaldo, o Centro de Monitoramento da Ufersa vai crescer ainda mais. “Já temos as áreas mapeadas para a ampliação do sistema e o termo de referência elaborado aguardando a disponibilidade orçamentária”, explicou.

O novo Centro de Monitoramento da Ufersa será entregue oficialmente na próxima semana pelo Reitor, o professor José de Arimatea de Matos, que destacou o esforço da Universidade em garantir mais segurança aos alunos, servidores e todos aqueles que frequentam os campi. “Mesmo diante das restrições orçamentárias e outras dificuldades, a Ufersa está conseguindo avançar no monitoramento dos espaços. Em 2013, tínhamos 139 câmeras instaladas, hoje temos 837. Sabemos que a segurança é um grande desafio para os órgãos públicos atualmente, mas estamos fazendo a nossa parte e tentando proteger e garantir a integridade e o bem estar dos nossos alunos, servidores, colaboradores”, destacou o Reitor.

OUTRAS MEDIDAS DE SEGURANÇA

Além do Centro de Monitoramento, a Ufersa vem adotando outras medidas de segurança. Entre elas, destacam-se a manutenção do quantitativo de terceirizados que trabalham diretamente na Segurança utilizando como estratégia para a redução de custos a substituição de vigilantes por porteiros nas guaritas; contratação de empresa especializada para a manutenção do sistema de segurança eletrônica; instalação de portões nas guaritas Leste e Oeste; uso de giroflex nas motocicletas e na viatura de uso dos vigilantes; instalação de grades de proteção nas janelas e portas das edificações.

Outra medida adotada recentemente foi a implantação do controle de acesso nos Campi Leste e Oeste, em Mossoró. Nos dias úteis, os portões dos dois campi ficam fechados das 22h30 às 5h30 do dia seguinte; aos sábados das 18h às 5h30 do dia seguinte e aos domingos e feriados das 12h às 5h30 do dia seguinte. A definição desses horários teve como parâmetros a execução do controle sem causar problemas no acesso e no trânsito nas áreas externas da Universidade, considerando, ainda, o quantitativo de porteiros e o modelo de estrutura física das guaritas.

Paralelo aos investimentos, a Ufersa também vem estreitando o relacionamento com as Polícias Militar e Federal com ações direcionadas para a segurança dos Campi.

Por Assecom/Ufersa.

Sindicatos podem perder quase R$ 3 bilhões com fim de impostos obrigatórios

1-8O sindicalismo brasileiro se prepara para enfrentar tempos de penúria. Com a reforma trabalhista, que entra em vigor no próximo mês, o imposto sindical, que equivale a um dia de trabalho e hoje é descontado em folha, passará a ser voluntário.

O temor de sindicalistas é que parte expressiva dos trabalhadores deixe de contribuir, colocando em risco uma arrecadação que em 2016 somou cerca de R$ 2,9 bilhões.

Segundo o economista da Unicamp José Dari Krein, especialista em movimento sindical, levantamentos apontam que entre 25% e 30% da receita dos sindicatos vêm do imposto sindical.

A dependência é maior no caso das centrais, que em alguns casos praticamente sobrevivem desse repasse, uma vez que não contam com mensalidade de sócios, como acontece com os sindicatos.

A CUT (Central Única dos Trabalhadores), maior central do país, projeta um orçamento 30% menor em 2018. A Força Sindical diz que “vai acabar” sem o imposto, enquanto a União Geral dos Trabalhadores (UGT) vai se mudar para uma sede mais barata em São Paulo.

“O impacto negativo do fim do imposto deve ser generalizado. A queda de receita deve ser ainda mais substantiva em setores menos estruturados e com alta rotatividade, como comércio e construção civil”, diz Krein.

Um caso emblemático é o do Sindicato dos Comerciários de São Paulo, que em 2016 foi a organização que mais recebeu imposto sindical no Brasil –R$ 31,5 milhões, segundo dados mais recentes do Ministério do Trabalho.

Em 2017, o orçamento total da entidade (considerando outras fontes além do imposto) foi de R$ 95 milhões. Mas para o ano que vem a previsão é que o caixa encolha para R$ 20 milhões, diz o presidente, Ricardo Patah.

Algumas medidas para se adaptar à nova realidade já estão sendo implementadas. O sindicato abriu um Plano de Demissão Voluntária (PDV) para cortar 200 dos 600 funcionários e vai reduzir em mais de 50% os serviços oferecidos, como atendimento médico. As oito subsedes da entidade serão fechadas.

O orçamento da UGT, também presidida por Patah, deve despencar de R$ 50 milhões em 2017 para R$ 1 milhão no ano que vem.

PRESSÃO

Uma saída defendida pela UGT e pela Força Sindical, entre outras centrais, é a cobrança da contribuição assistencial (também conhecida como taxa assistencial) de todos os trabalhadores da categoria, e não só dos filiados.

As entidades pressionam o governo Michel Temer para editar uma medida provisória (MP) que regulamente a questão, uma vez que no início do ano o Supremo Tribunal Federal decidiu que ela só poderia ser descontada de quem fosse filiado.

A taxa de sindicalização no Brasil gira em torno de 20%, de acordo com o IBGE. Por isso, os sindicatos querem ampliar a cobrança.

Sem a MP, a Força Sindical “vai acabar”, diz João Carlos Gonçalves, o Juruna, secretário-geral da central. “Nosso orçamento vai cair de R$ 48 milhões para zero.”

Contando com a MP, o Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo –que está negociando nova convenção coletiva– quer uma taxa assistencial de até 1% do salário da categoria. Do contrário, Miguel Torres, presidente da entidade, espera uma queda no próximo ano de 40% do orçamento de R$ 50 milhões.

Nesse caso, Torres também defende que as convenções valham apenas para quem contribuir. “Como o sindicato vai trabalhar de graça para quem não paga?”

COMPARTILHAMENTO

“Eu tenho participado em muitos debates com sindicatos para a gente formular uma estratégia que não seja de desespero”, diz Quintino Severo, secretário de administração e finanças da CUT, central que historicamente sempre foi contra o imposto.

Uma das medidas que devem ser adotadas diante do orçamento apertado é a racionalização de custos e estrutura, como o compartilhamento de sedes por sindicatos diferentes, afirma Severo.

Isso já está sendo estudado pelo Sintetel-SP, entidade que representa os trabalhadores em telecomunicações, e que pretende compartilhar suas colônias de férias no litoral com outros sindicatos.

A entidade demitiu dez funcionários e deve fazer mais cortes, diz o vice-presidente, Mauro Cava de Britto.

Para contornar a queda, o Sintetel quer ampliar a oferta de cursos à distância em parceria com escolas privadas. Nesse esquema, os filiados pagam metade do valor do curso, e o restante é subsidiado pela empresa. A entidade ganha a mensalidade.

Outra alternativa é restringir a oferta de serviços. O Sindicato dos Químicos do Paraná, por exemplo, está limitando consultas odontológicas e médicas. Segundo o presidente da entidade, Francisco Rodrigues Sobrinho, o sindicato tem 1.900 filiados, que pagam R$ 27 por mês.

Já entidades com alta taxa de sindicalização, como os bancários de São Paulo e os metalúrgicos do ABC, dizem que o fim do imposto terá pouco impacto, uma vez que contam com a contribuição assistencial e a mensalidade paga pelos sócios. Por isso, esses sindicatos devolvem o imposto aos trabalhadores.

DIEESE PEDE DOAÇÕES

O aperto no bolso dos sindicatos com o fim da obrigatoriedade do imposto sindical também preocupa o Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos).

A principal fonte de financiamento da organização é a contribuição dos cerca de 800 sindicatos associados. Eles pagam uma mensalidade que varia de R$ 300 a R$ 15 mil –dependendo do tamanho e do salário médio da categoria– para ter acesso aos serviços prestados pelo Dieese.

Sem recursos para pagar essa mensalidade, alguns sindicatos já estão pedindo suspensão da filiação, diz o diretor técnico da entidade, Clemente Ganz Lúcio.

Antevendo dificuldades maiores, a entidade começou uma campanha pedindo o aporte de uma 13ª mensalidade dos filiados.

O Dieese também busca filiar mais sindicatos e passou a aceitar doações de pessoas físicas, afirma o diretor.

Desde 2015, com a redução nos convênios com o setor público em razão da crise econômica e do ajuste fiscal, o Dieese já reduziu em R$ 10 milhões seu orçamento.

Para o próximo ano, a estimativa é de R$ 35 milhões –o que pode ser revisto em dezembro, caso o cenário se deteriore, diz o diretor.

“Ainda não deixamos de fazer atividades para o movimento sindical, mas, se houver redução do financiamento, teremos que fazer. Podemos não ter condição de acompanhar todas as negociações coletivas, por exemplo”, afirma Lúcio.

Por Fernanda Perrin – Folha de S. Paulo

Mártires de Cunhaú e Uruaçu são declarados santos

praca

monumentoForam declarados santos, na manhã deste domingo (15), no Vaticano, os 30 mártires de Cunhaú e Uruaçu – massacrados em terras potiguares no ano de 1645. A cerimônia de canonização foi presidida pelo Papa Francisco, contou com 450 concelebrantes e foi acompanhada por aproximadamente 50 mil pessoas, que lotaram a Praça de São Pedro.

A Camerata de Vozes do Rio Grande do Norte, grupo da Fundação José Augusto, participou da cerimônia. O coro, regido pelo monsenhor Pedro Ferreira, apresentou cantos sacros antes e após a anunciação dos 30 novos santos.

Papa Francisco declarou santos os mártires potiguares após o pedido oficial, durante a cerimônia celebrada pelo cardeal Angelo Amato, prefeito da congregação da Causa dos Santos. “Que estes que agora são santos indiquem a todos nós o verdadeiro caminho do amor e da intercessão junto ao Senhor para um mundo mais justo”, declarou o Papa Francisco, em sua homilia.

Santos brasileiros

Além dos 30 mártires do Rio Grande do Norte, já foram canonizados pela Igreja Católica e também são considerados santos brasileiros:

  • São Roque Gonzales, Santo Afonso Rodrigues e São João de Castilho (mártires do Rio Grande do Sul)
  • Santa Paulina do Coração Agonizante de Jesus (nascida na Itália)
  • Santo Antônio de Sant’Ana Galvão (nascido no Brasil)
  • São José de Anchieta (nascido na Espanha)

Beatificação

A celebração da beatificação dos mártires de Cunhaú e Uruaçu aconteceu na Praça de São Pedro, no Vaticano, no dia 5 de março de 2000.

No local do massacre, em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal, foi erguido o ‘Monumento aos Mártires’, inaugurado no dia 5 de dezembro de 2000, com capacidade para receber 20 mil peregrinos. O espaço é aberto a turistas e religiosos, e a cada mês de outubro recebe centenas de fiéis. Ele abrange uma área de dois hectares, doada pela família Veríssimo, proprietária da fazenda. O monumento foi projetado pelo arquiteto Francisco Soares Junior.

Desde 2006, o dia 03 de outubro é feriado estadual em comemoração ao Dia dos Mártires de Uruaçu e Cunhaú, segundo Lei Nº 8.913.

Mártires canonizados

Segundo a Arquidiocese de Natal, foram canonizados (nem todos têm os nomes identificados):

  • Pe. André de Soveral
  • Pe. Ambrósio Francisco Ferro (português)
  • Mateus Moreira
  • Domingos de Carvalho
  • Antônio Vilela Cid (espanhol)
  • Antonio Vilela, o moço e sua filha
  • Estevão Machado de Miranda e suas duas filhas
  • Manoel Rodrigues Moura e sua esposa
  • João Lostau Navarro (francês)
  • José do Porto
  • Francisco de Bastos
  • Diogo Pereira
  • Vicente de Souza Pereira
  • Francisco Mendes Pereira
  • João da Silveira
  • Simão Correia
  • Antonio Baracho
  • João Martins e seus sete companheiros
  • A filha de Francisco Dias

Fonte: Globo.com

Cartões de confirmação do ENEM serão liberados a partir do dia 20 de outubro

Inscrições-do-Enem-2017-chegam-a-1-milhão-de-estudantes

A partir do dia 20 de outubro, sexta-feira próxima, o site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) vai disponibilizar os cartões de confirmação de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

O documento informa o número de inscrição, o local e data das provas, além dos horários para a realização do exame.

Para acessar o cartão, o inscrito deve ir à Página do Participante com o número do CPF e a senha de cadastro, transmite informação de Raphael Costa, repórter da Agência do Rádio.

Quem não tem a palavra chave deve seguir o passo a passo para conseguir recuperar a senha.

O estudante precisa colocar o e-mail cadastrado para receber a nova senha que será gerada.

No caso de o candidato não lembrar o e-mail que usou para fazer o cadastro, ele pode recorrer a uma senha temporária que será enviada por uma mensagem de celular.

Se o inscrito não lembrar de nenhum desses itens utilizados durante o cadastro, será necessário alterar os dados cadastrados na página do Enem para receber a senha nos novos contatos.

As provas serão realizadas nos dias 05 e 12 de novembro.

Segundo o Inep, mais de 6,7 milhões de estudantes estão inscritos para a edição deste ano.

O endereço do Inep na internet é www.inep.gov.br

Petrobras aumenta preço da gasolina nas refinarias em 0,8% a partir deste sábado

gasolina

O preço da gasolina vendida pela Petrobras nas refinarias será elevado em 0,8%, a partir deste sábado (14). A informação foi divulgada nesta sexta-feira (13) pela estatal. Isso não significa, necessariamente, aumento nos postos de gasolina. O valor final aos motoristas nas bombas deverá variar, de acordo com estoques dos postos e a concorrência, pois o preço ao consumidor é regulado livremente pelo mercado.

Já o preço do óleo diesel sofreu redução de 0,2%, que também valerá a partir deste sábado. Segundo a companhia, a política de preços para a gasolina e o diesel vendidos nas refinarias às distribuidoras tem como base o preço de paridade de importação, que representa a alternativa de suprimento oferecido pelos principais concorrentes para o mercado.

“Em busca de convergência no curto prazo com a paridade do mercado internacional, analisamos nossa participação no mercado interno e decidimos periodicamente se haverá manutenção, redução ou aumento nos preços praticados nas refinarias”, explicou a estatal.

Em Angicos: Católicos celebraram o dia da Padroeira do Brasil Nossa Senhora Aparecida com missa e homenagens feitas por crianças

IMG_5390A Paroquia de São José dos Angicos a exemplo das demais paroquias do Rio Grande do Norte celebraram na noite desta quinta feira, dia 12 de outubro com a Santa Missa a solenidade em honra a Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil. Centenas de católicos lotaram a Igreja Matriz de São José dos Angicos para acompanhar a celebração eucarística que foi presidida pelo Pároco Padre Severino da Silva Neto.

Neste ano de 2017 a Igreja Católica no Brasil celebrou os 300 anos de aparição da imagem santa de Nossa Senhora da Conceição Aparecida que fora encontrada por três pescadores na região do Rio Paraíba do Sul no estado de São Paulo.483e3799-2c0b-4de9-a4d7-1e83569b9912

a4c70545-b4d6-49ab-b036-d286fbdb8c45

bf714e3e-8a9b-46e7-830b-10b3e230ddd0Na oportunidade tivemos também a comemoração dos 19 anos da Infância e adolescência Missionária que prestam um relevante serviço de evangelização nos setores missionários da comunidade católica angicana. Tivemos ainda a consagração de mais 12 que passaram a integrar o movimento religioso da Paroquia de São José dos Angicos.

Após a celebração eucarística, já no pátio da Igreja Matriz de São José aconteceram apresentações sacras onde crianças do Grupo de Dança e Teatro Rainha da Paz e as meninas do Ballet Arte Livre homenagearam a santa padroeira católica do Brasil neste ano em que se celebraram os 300 anos de sua aparição.

Os créditos dos registros fotográficos da nossa reportagem são da Pastoral da Comunicação (PASCOM) da Paroquia de São José dos Angicos através da sua coordenadora Rosemary Dantas.     e80d659e-a9d0-46cf-9c98-873aca21b548

cba34d8d-b43b-48fc-9ce6-50a0982ca3da

a171c157-0449-4094-b16a-8b36c1c9082a

Ministério vai contestar na Justiça decisão que restringe funções de enfermeiros no SUS

36950485024_1ab8c2830f_z

O Ministério da Saúde vai encaminhar à Advocacia Geral da União subsídios para contestação na Justiça da decisão que restringe as atribuições dos enfermeiros no SUS.

Num documento divulgado quarta-feira, 11, a pasta afirma que a decisão limitando as atividades dos profissionais, concedida há duas semanas numa ação movida pelo Conselho Federal de Medicina, impacta o funcionamento das unidades básicas de saúde e pode levar a uma redução do acesso aos serviços.

A declaração foi feita no mesmo dia em que o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems) e Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Saúde (Conass) divulgaram uma nota pedindo pressa para que a União recorra da decisão judicial.

No comunicado, entidades alertam para os prejuízos que a restrição pode provocar para a saúde da população. Os impactos já começariam a ser sentidos agora, durante a campanha Outubro Rosa, que faz a detecção do câncer de mama.

A decisão da 20ª Vara Federal do Distrito Federal suspende a possibilidade de enfermeiros solicitarem exames no SUS. A atividade há anos é executada na atenção básica por esses profissionais e é apontada como essencial em alguns programas, como o de Doenças Sexualmente Transmissíveis, o de diabetes e de hipertensão.

“Estamos muito preocupados”, resumiu o presidente do Conasems, Mauro Junqueira. A diretora técnica do Centro de Referência e Treinamento de Aids do Estado de São Paulo, Maria Clara Gianna, conta que ao longo desta semana a coordenação recebeu inúmeros telefonemas de cidades do Estado, com dúvidas sobre como proceder a partir de agora.

“É impossível pensar no combate à atual epidemia de sífilis sem a participação direta de enfermeiros, auxiliando sobretudo com os exames, com testes rápidos”, disse Maria Clara.

A diretora observou ainda que as atribuições da classe profissional no atendimento de DSTs, existem há anos. “Isso consta de protocolos, fruto de discussões, de treinamentos. Todos ganham com o trabalho feito em equipe. Enfermeiros auxiliando nos exames, no aconselhamento, são essenciais”, completou a diretora.

O Conselho Federal de Enfermagem apresentou semana passada à Justiça um pedido de reconsideração da medida liminar. O presidente do Cofen, Manoel Neri, afirmou que a análise do pedido somente será feita depois de o Conselho Federal de Medicina se manifestar sobre o tema. “Caso o juiz mantenha a decisão, vamos recorrer no Tribunal Regional Federal”, observou.

Conass e Conasems argumentam também que as atribuições atuais dos enfermeiros têm respaldo legal. ” São ações de extrema relevância para o Sistema Único de Saúde e sua paralisação causará graves prejuízos à saúde da população.”

A ação que limita a atuação dos enfermeiros foi interposta pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), sob o argumento de que essas tarefas são atribuições exclusivas do médico. Para o Cofen, com a liminar enfermeiros ficariam impedidos de solicitar exames. A atribuição de renovar  receitas médicas está mantida.

Governo do RN anuncia pagamento de servidores que ganham até R$ 3 mil

dsc_0180 (3)

O Governo do Rio Grande do Norte anunciou que vai pagar neste sábado (14) os salários dos servidores ativos, aposentados e pensionistas que recebem entre R$ 2 mil e R$ 3 mil – num total de R$ 48.345.938,50.

Com o depósito deste sábado o estado terá pago 75.452 servidores, equivalente a 68% do total de pessoal.

“Os vencimentos dos servidores que ganham acima de R$ 3 mil serão creditados o mais breve possível, a partir da disponibilidade de recursos”, informou o governo.

Fonte: G1.RN