APASA tem contrato suspenso com o Governo do Estado para fornecimento do Programa do Leite

APASAA Associação dos Pequenos Agropecuaristas do Sertão de Angicos (APASA) teve seu contrato suspenso de fornecimento para o ‘Programa do Leite’, pelo Governo do Estado por meio da Secretaria do Estado de Habitação, Trabalho e Assistência Social (Sthas). A suspensão do contrato segue até a próxima sexta-feira (29), devido a empresa apresentar indicadores de contaminação de coliformes fecais no leite distribuído para usuários do programa em pontos de Natal e do interior.

Paralelo a este processo, a Sethas vai contratar, emergencialmente, uma ou mais empresas, que substituirão a partir de segunda-feira (02) as três empresas que terão seus contratos encerrados, incluindo a APASA, com sede no município de Angicos.

A medida se deu após recomendação do Ministério Público, publicada no último sábado (23) no Diário Oficial do Estado (DOE). O MPRN começou a investigar o programa após denuncias dos usuários, que alegaram está recebendo o leite em má qualidade e sendo transportados de forma irregular. A investigação encontrou irregularidades em todas as 13 empresas que fornecem ao programa do leite. A Sethas abriu processos administrativos contra todas elas.

A associação tem hoje uma produção de 42.565 (quarenta e dois mil, quinhentos e sessenta e cinco) mil litros de leite por semana, atendendo 8.513 (oito mil, quinhentas e treze) famílias potiguares com 390 produtores distribuídos nos municípios da Região Central do estado.

A APASA e as outras duas empresas (Maila e Nutrivida) foram notificadas sobre a suspensão e estão apresentando suas defesas, que serão analisadas pelo setor jurídico da Secretaria.

Fonte: Blog FP Noticias.

%d blogueiros gostam disto: