Angicos: Promotor de Justiça da comarca define arquivamento de três averiguações

Na alçada da representação do Ministério Público do RN na comarca que possui sua localização na cidade de Angicos, região Central potiguar, está sendo providenciado o arquivamento de três peças de investigação que ali foram criadas.

A decisão neste sentido é do promotor de Justiça da comarca, bacharel Augusto Carlos Rocha de Lima, que deu ciência através de avisos publicados na edição desta quarta-feira (15) do Diário Oficial do Estado.

A medida abrange os seguintes procedimentos: Inquérito Civil nº 2018/0000336132, que objetivou apurar contratações diretas efetuadas pela Prefeitura de Afonso Bezerra no ano de 2008; Procedimento Administrativo nº 2018/0000360903, visando acompanhar eventual situação de risco da então criança Edvânia Santos da Silva; e, Inquérito Civil nº 086.2012.000015, com o intuito de apurar eventual improbidade administrativa consubstanciada em supostos atos de prevaricação (retardo na remessa de Inquéritos Policiais com réus presos) e desobediência (omissão no atendimento de requisições ministeriais).

Blog Pauta Aberta;

%d blogueiros gostam disto: