Agricultura: Produtores rurais poderão fazer empréstimos a juros menores a partir de julho

A partir do dia 1º de julho, os produtores rurais de todo o país poderão fazer empréstimos a juros menores.

A medida foi anunciada nesta semana no lançamento do Plano Agrícola e Pecuário (PAP) 2018/2019, que define mais R$ 194 bilhões de crédito, juros reduzidos e amplia o Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp) para R$ 2 milhões.

Esse plano prevê a queda de 1,5 ponto percentual para as taxas de juros do crédito rural, enfatiza informação de Cíntia Moreira, repórter da Agência do Rádio.

Além disso, houve redução das taxas de juros de custeio para 6% ao ano, destinada a médios produtores, aqueles com renda bruta anual de até R$ 2 milhões, e para 7% ao ano para os demais.

Do total de R$ 194,37 bilhões previstos no plano anunciado, R$ 151,1 bilhões são para crédito de custeio.

O crédito para investimento ficou em R$ 40 bilhões.

Além do crédito para custeio e para investimentos de R$ 191 bilhões, serão destinados R$ 2,6 bilhões para o apoio à comercialização e R$ 600 milhões para subvenção ao seguro rural.

%d blogueiros gostam disto: