Ação que merece aplausos: Vereador Junior de Chicola consegue junto ao governo do estado trazer para Angicos o programa microcrédito do empreendedor

Uma ação que
merece aplausos por parte de nós angicanos, foi a tomada pelo Vereador
Francisco Batista Filho (“Junior de Chicola”) do PSD, o edil angicano aproveitou o período em que o vice-governador
do estado Fabio 
Dantas do qual é correligionário político esteve à
frente do executivo estadual recentemente quando da viagem do governador
Robinson Faria a Colômbia e conseguiu incluir o nosso município no Programa de
Microcrédito do empreendedor. 
Esse
programa tem o objetivo de ajudar financeiramente pequenos empreendedores do
estado lhes concedendo empréstimos que podem ser de valores que variam entre 3
e 6 mil reais de acordo com o investimento que for ser feito pelo beneficiado.
O encontro aconteceu na noite
desta terça feira (22) às 19 horas nas dependências da casa de cultura popular
professor Paulo Freire, e, acreditem amigos, conforme vocês vêm nas fotos ficou
o local ficou lotado de cidadãos e cidadãs angicanas que buscam uma oportunidade
de montar seu próprio negocio.
Junto com o Vereador Junior
de Chicola estava o Senhor Bosco Medeiros que faz parte da AGN, que é Agência de
fomento do estado, uma espécie de agencia bancaria informal do governo do
estado que tem por objetivo ajudar as pessoas a montar seu próprio negocio.
Em suas explicações ao
público presente, Bosco relatou que para aquisição dos empréstimos financeiros existem
duas linhas de possibilidade. A primeira é a aquisição de credito financeiro
como pessoa física, nesses termos o interessado tem que apresentar dos
documentos pessoais e estar limpa junto aos órgãos de crédito como SPC e Serasa
e ter uma avalista, como pessoa física o interessado poderá adquirir até 3 mil
reais sem cobrança de nenhum tipo de juro.
A outra forma é como pessoa jurídica,
aí nesse caso o interessado poderá adquirir valores que variam entre 3 e 6 mil
reais sem juros ou até um valor maior, com um detalhe se o valor for maior que
6 mil reais será cobrado juros que variam entre 1,5 e 1,7 por cento ao
mês.  Neste caso o interessado deverá
levar todos os documentos de sua firma além do balanço financeiro atualizado
junto a um contador, e também é necessário um avalista. 
A partir da próxima semana a
Senhora Jaicleide Batista (filha de Ivaneide Lopes) que vai passar primeiro por
uma capacitação ficará responsável pela junção desses documentos. O vereador
Junior de Chicola ficará responsável pela divulgação do local e os horários
onde os documentos serão angariados.
Na etapa seguinte toda a
documentação passará por avaliação junto aos órgãos de crédito como SPC e
Serasa, para em seguida os empréstimos começarem a ser liberados. 

%d blogueiros gostam disto: