Leonardo Picciani é reconduzido à liderança do PMDB.

G1 –
Aliado do Palácio do Planalto, o atual líder do PMDB na Câmara, deputado
Leonardo Picciani (RJ), foi reeleito nesta quarta-feira (17) para um mandato de
mais um ano à frente da bancada.

Com 37 votos favoráveis, ele derrotou o deputado Hugo Motta (PMDB-PB), que
contava com o apoio do presidente Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e recebeu 30 votos.
Dois deputados votaram em branco.
O placar reflete a
divisão interna da bancada, com uma ala pró-Dilma e outra favorável ao seu
afastamento, apesar de o PMDB ter uma aliança com o PT, ocupando a
Vice-presidência da República e outros seis ministérios. Por ser o maior
partido dentro da Câmara, a disputa pelo comando da bancada ganhou maiores proporções
nos últimos dois meses porque está em jogo o processo de impeachment da
presidente Dilma Rousseff, assim como a tramitação de projetos de interesse de
governo.

Parabéns ao Circo D’ Mônaco, um espetáculo de qualidade para a família.

Na noite desta terça
feira (17) a nossa reportagem esteve presente no Circo d Mônaco que está armado
em nossa cidade, no Bairro Alto da Esperança levando alegria e diversão às
famílias angicanas.
Queremos aqui
felicitar a organização da companhia circense pelas atrações de alto nível que
são apresentadas, como também pela descontração que os palhaços levam aos
presentes com piadas novas, bem atuais e contextualizadas para a realidade do
município os profissionais do riso prende a atenção da plateia e ao mesmo tempo
interage com o público.


Aqui damos destaque
para o ótimo palhaço cremosinho, um artista novo que leva alegria ao público de
todas as idades e principalmente sem utilizar de termos pejorativos ou imorais.

Quem ainda não foi,
aproveite e vá passar um momento de lazer com sua família no ótimo espetáculo
do Circo D’ Mônaco que permanecerá em nossa cidade até o próximo domingo (21) e
pode levar sua família, pois, trata-se de um excelente espetáculo com atrações
de alto nível.
O inicio da festa
circense é às 21 horas com promoção de 3 reais a entrada para arquibancada e 5
reais para as cadeiras. Vamos ao circo meu povo, afinal, sorrir ainda é a melhor
maneira de superar os problemas diários e faz um bem danado pra saúde.
    

Divulgado o resultado final do concurso para professor efetivo da rede estadual

O resultado final e a classificação do concurso público para professores e especialistas em Educação da rede estadual de ensino do Rio Grande do Norte foram divulgados nesta terça-feira (16) no site do Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan). Os extratos também serão publicados noDiário Oficial do Estado.
O concurso tem validade de dois anos, podendo ser estendido por igual período. A nomeação dos candidatos, observada a ordem de classificação final, por POLO/DIREC/CARGO/DISCIPLINA, será feita pela Secretaria de Estado da Administração e dos Recursos Humanos (Searh), obedecendo ao limite de vagas existentes. Os candidatos devem estar aptos para posse em até 30 dias contados da nomeação, incluído nesse período o prazo para obtenção do atestado de saúde ocupacional.
O convocado deverá apresentar-se na Diretoria Regional de Educação e Cultura (Direc) a qual se candidatou, munido obrigatoriamente de todos os seguintes documentos (originais e cópias autenticadas):
a) prova de conclusão de curso de habilitação para o cargo, mediante a apresentação do respectivo Diploma, ou de documento oficial da instituição de ensino superior que ateste a conclusão do curso pelo candidato, acompanhado de protocolo de requerimento de expedição do Diploma e Histórico Escolar;
b) título de eleitor e certidão de quitação eleitoral;
c) certificado de reservista, para os candidatos do sexo masculino;
d) certidão negativa de antecedentes criminais expedidas pelas Justiças estadual e federal, assim como pela Polícia Civil da localidade em que o candidato possuir residência nos últimos cinco anos;
e) atestado de saúde ocupacional, habilitando o candidato para o exercício do cargo, expedido por junta médica oficial;
f) inscrição no Cadastro de Pessoas Físicas do Ministério da Fazenda (CPF);
g) documento de identidade expedido por órgão oficial;
h) outros documentos que forem exigidos na portaria de nomeação.
Sobre o concurso
O concurso teve 48.787 inscrições homologadas. Candidatos de todas as regiões do Estado participaram do certame. As provas foram realizadas, simultaneamente, no dia 10 de janeiro de 2016, em 16 municípios: Natal, Parnamirim, Nova Cruz, São Paulo do Potengi, Ceará-Mirim, João Câmara, Macau, Santa Cruz, Angicos, Currais Novos, Caicó, Assu, Mossoró, Apodi, Umarizal e Pau dos Ferros. As 1.400 vagas oferecidas no concurso são para preencher o quadro de pessoal da Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (SEEC).
A jornada de trabalho é de 30 horas semanais e o salário é de R$ 2.013,39 para as seguintes oportunidades: Suporte Pedagógico e professor de Arte; Arte – Música; Ciências Biológicas; Educação Física; Filosofia; Física; Geografia; História; Língua Espanhola; Língua Inglesa; Língua Portuguesa; Matemática; LIBRAS – intérprete/tradutor; LIBRAS – professor; Pedagogia – Educação Especial; Química; Ensino Religioso; e Sociologia.

Mesmo com volta das chuvas, cai nível d’água nos reservatórios do RN

As chuvas que vêm caindo com certa intensidade desde o
início do ano no interior do Rio Grande do Nortenão estão sendo suficientes
para amenizar os efeitos da estiagem histórica que assola o sertão potiguar. A
prova são os níveis das bacias potiguares, cada vez mais baixos. De acordo com
boletim divulgado nesta terça-feira (16) pela Sala de Situação da Secretaria
Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), em todas as grandes
barragens ou açudes do estado houve queda no volume de água armazenada. Nove
reservatórios estão completamente secos.
Na Bacia do Rio Piranhas/Assu, na região Central do
estado, o nível atual é de 17,88% da capacidade total. Estava com 18,12% em
dezembro do ano passado. Na Bacia Apodi/Mossoró, a queda foi mais acentuada:
baixou de 23,08% para 22,09%.

Nas demais bacias também houve uma baixa  no volume
de água. Na Bacia Trairi caiu de 4,66% para 4,30%; Na Bacia Jacú passou de
4,20% para 4,10%. Já nas bacias Ceará-Mirim (17,98%) e Potengi (10,67%), os
volumes se mantiveram sem alteração nestes últimos meses.

Seca histórica

Reservatórios


A queda no volume das bacias é reflexo da redução da água armazenada nos
reservatórios. No maior deles, na Barragem Engenheiro Armando Ribeiro
Gonçalves, o nível caiu de 20,84% para 20,63%. A medição compara o nível de
água existente no final de dezembro do ano passado com o volume do dia 10 deste
mês, data da última verificação. A Armando Ribeiro fica na região do Vale do
Açu e tem capacidade para até 2,4 bilhões de metros cúbicos de água.
Atualmente, encontra-se com pouco mais de 495 milhões de metros cúbicos. Este é
um dos níveis mais baixos da história do reservatório, que foi inaugurado em
1983.
Na segunda maior barragem do estado, a de Santa Cruz, a
situação é a mesma. Em dezembro marcava 31,43% da capacidade. Já no dia 26 de
janeiro, estava com 30,44%. O reservatório fica na cidade de Apodi, na região
Oeste potiguar, e pode armazenar até 599,7 milhões de metros cúbicos de água.

Na terceira maior, a barragem de Umari, o nível caiu de
20,16% para 18,56% ainda segundo medições feitas entre dezembro do ano passado
e 26 de janeiro deste ano. Umari fica no município de Upanema, também na região
Oeste, e pode armazenar até 292,8 milhões de metros cúbicos de água.
Em outro grande reservatório do estado, o Açude
Boqueirão, o volume de água também foi reduzido apesar das chuvas que vêm
caindo constantemente na região Seridó. Estava com 7,53% em dezembro. Agora,
segundo medição feita no dia 12 deste mês, encontra-se com 6,95%. O Boqueirão
fica na cidade de Parelhas e suporta até 84,7 milhões de metros cúbicos de água.
O Açude Gargalheiras é outro importante reservatório
potiguar. Fica em Acari, também na região Seridó. A capacidade é de 44,4
milhões de metros cúbicos. Quando cheio, suas águas passam por cima da parede e
formam uma cascata artificial com quase 30 metros de queda – um espetáculo que
atrai milhares de visitantes. A última vez que isso aconteceu foi em 2011. Em
dezembro, no entanto, as águas baixaram tanto que o volume chegou a marcar 0,3%
da capacidade. O nível, que já é o mais baixo da história da barragem, se
manteve o mesmo segundo medição feita no dia 25 de janeiro.
Alívio


Embora a maioria dos reservatórios do estado apresente queda no nível de água
armazenada, o boletim da Semarh também mostra que há exemplos de ganho de
volume. Em alguns, a recuperação foi mínima. É o caso do Açude Itans, que
abastece o município de Caicó, na região Seridó. Estava com 1,35% de sua
capacidade em dezembro, dentro do chamado ‘volume morto’. Agora, de acordo com
medição feita no dia 11 deste mês, passou para 1,36%. O açude tem capacidade
para até 81,7 milhões de metros cúbicos de água.
O que mais ganhou volume foi o Açude Beldroega, em
Paraú, município da região Oeste. O reservatório, que tem capacidade para pouco
mais de 8 milhões de metros cúbicos de água, chegou a marcar 17,95% em
dezembro. Contudo, segundo foi verificado no dia 27 de janeiro, aparece com
quase o dobro disso: 30,60%.
Secos


No final do ano passado, doze reservatórios estavam completamente sem água.
Destes, voltaram a acumular água o Açude Malhada Vermelha, em Severiano Melo,
agora com volume de 2,37%; Açude do Brejo, em Olho D’Água do Borges, que está
com 0,82% da capacidade; e Açude do Santo Antônio, em Caraúbas, que encontra-se
com 2,53% do total. 

Atualmente, nove reservatórios estão totalmente secos.
São eles: Açude Bonito II, em São Miguel; Açude Santana, em Rafael Fernandes;
Barragem de Pau dos Ferros, em Pau dos Ferros; Açude Jesus Maria José, em
Tenente Ananias; Barragem de Pilões, em Pilões; Açude do Apanha Peixe, em
Caraúbas; Barragem de Lucrécia, em Lucrécia; Açude Alecrim, em Santana do
Matos; Açude Dourado, em Currais Novos. Este último, sem água há quase dois
anos.


Governador Robinson Faria pede suspensão da devolução de R$ 79 milhões ao Fundeb

O governador Robinson Faria e uma comissão formada por prefeitos potiguares participaram no final da tarde desta terça-feira (16) de uma reunião com o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, em Brasília. Na ocasião, o chefe do Executivo estadual solicitou que R$ 79 milhões, referentes ao repasse do Governo Federal via Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), frutos de uma divergência na prestação de contas do ano letivo 2014, não fossem devolvidos.
Em 2014, a União previu que o Rio Grande do Norte deveria receber complementação para o Fundeb, segundo cálculos realizados à época. Os repasses passaram a ser feitos em 2015. Porém, devido a um novo entendimento, o cálculo de repasse foi refeito e verificado que o RN não teria direito a complementação do Fundo. Pela Lei, o RN teria que ressarcir o montante até abril deste ano.
O ministro da Educação se comprometeu a defender o pleito do estado para que não houvesse a devolução da complementação do Fundeb, bem como tratará a questão na Comissão Tripartite do Fundeb, formada por secretários estaduais (Cosed) e dirigentes municipais (Undime). Deverá haver uma reunião do governo com a Secretaria do Tesouro para discutir o assunto. No estado, o tema deve ser tratado pela Procuradoria Geral do Estado (PGE).

MEC autoriza abertura do processo licitatório do campus de Medicina da Ufersa, em Mossoró e Assu

As populações dos municípios de Mossoró e Assu, no Rio Grande do Norte, poderão em breve realizar o tão acalentado sonho de contar com cursos de Medicina na região. Em audiência com a senadora Fátima Bezerra e o reitor da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa), José de Arimatea de Matos, o secretário-executivo do Ministério da Educação (MEC), Luiz Cláudio Costa, autorizou a abertura do processo licitatório para início das obras dos campi de Medicina de Mossoró e de Assu.

Em Mossoró, a Ufersa já contratou professores contratados e selecionou alunos pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O início das aulas será no 2º semestre deste ano. Já o campus de Assu depende de um replanejamento do MEC. A previsão do início do curso é para o próximo ano.

Segundo a senadora, essas iniciativas vêm não só fortalecer a educação, mas a saúde e a cidadania de todo a população potiguar. “ A interiorização do curso de Medicina, por meio do programa Mais Médicos, do governo federal, está possibilitando avanços extraordinários na democratização do curso de Medicina em todo o país.  O sonho da juventude de Assu está se realizando: cada um desses jovens terá a chance de se tornar doutor”, destacou a senadora.

Para Fátima, ações como essa vão contribuir para melhorar a assistência à saúde da população. “São passos importantes em prol da cidadania do povo de Mossoró, de Assu, enfim, de todo a população potiguar”, adianta.

O secretário Luiz Cláudio Costa reiterou a disposição do ministério em analisar a aquisição de um hospital universitário para o curso de Medicina da Ufersa, em Mossoró. Também ficou garantida, de acordo com o reitor José de Arimatea de Matos, a finalização das 26 obras da universidade, já em andamento.

Fonte: Site Ufersa

Leitura na mensagem anual do Prefeito Júnior Batista levou um grande numero de pessoas a Câmara Municipal de Angicos.

Aconteceu na noite de ontem segunda feira (15) a sessão solene de
abertura dos trabalhos legislativos da Câmara Municipal de Vereadores de
Angicos, e, como reza a tradição o expediente foi destinado à leitura da
mensagem anual do Excelentíssimo Senhor Prefeito Municipal Junior Batista.
 

Muitas autoridades civis, militares e eclesiásticas compareceram à sessão
solene a fim de acompanhar a referida leitura. Entre as autoridades presentes
citamos aqui as que compuseram a mesa dos trabalhos. Além dos 9 vereadores que
estiveram presentes: a Presidente Natali Felipe (PTB), o Vice Presidente Tiago
Braga (PMDB) o Primeiro Secretário Jalmir Dantas (PSB), o Segundo Secretário
Neto Maciel (PMDB), além dos vereadores Edileuza Palhares (PMDB), Junior de
Chicola (PSD), Grimaldi Alves (DEM) Clovis Tibúrcio (PMDB) e Nivaldo Gomes
(PV). Registramos ainda as presenças do Meritíssimo Juiz de Direito da Comarca
de Angicos Doutor Ederson Solano, do Tenente Horácio, Comandante da 2ª
Companhia de Policia Militar de Angicos, o Vice Prefeito Deusdete Gomes e o
Pároco de São José dos Angicos Padre Severino da Silva Neto.

Na galeria destinada à acomodação do público estavam secretários e
assessores da atual gestão municipal, membros de sindicatos e associações
locais, membros da imprensa, além de um grande número de populares.

Quando fora chamado para fazer uso da palavra o Prefeito Junior Batista
saudou a todas as autoridades presentes a mesa dos trabalhos na Câmara
Municipal de Vereadores como também a população presente na plenária da casa e
fez questão de em um breve discurso ressaltar que sendo este o último ano de
sua atual gestão sempre procurou manter uma relação de respeito e parceria com
os vereadores e com a instituição câmara municipal sempre visando o bem estar
da população angicana e, por conseguinte o desenvolvimento da nossa cidade,
pois, é consciente da importância dos vereadores na confecção e aprovação de
leis e projetos que beneficiem os munícipes e a cidade.

Após esse breve discurso o Prefeito Junior Batista transferiu a palavra
ao Senhor Maxsuel Nunes, Secretário Municipal de Tributação que proferiu a
leitura da mensagem.
No contexto da mensagem anual do Prefeito Junior Batista inicialmente
percebemos a sua preocupação em direcionar seu raio de ações nesse inicio do 4°
ano de seu mandato para assuntos relevantes para o município. Foi citado
inicialmente pelo narrador da mensagem o empenho da gestão no combate ao
mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue, febre chikungunya e zika vírus,
a busca pela realização de obras estruturantes para o nosso município como, por
exemplo, o saneamento básico de toda a área urbana de Angicos e o empenho da
gestão em eventos culturais que eleve o nome de Angicos para todo o país e o
para o mundo como é o caso da passagem da tocha olímpica, símbolo maior dos
jogos olímpicos que serão realizados na cidade do Rio de Janeiro em Agosto
desse ano, aonde Angicos foi comtemplada sem ser uma das cidades potiguares a
receber a visita deste símbolo no dia 06 de Junho.

Em seguida o Narrador Maxsuel fez um relato minucioso de todas as ações
realizadas pela gestão municipal nas secretarias que compõem o seu corpo.
Saúde, educação, Agricultura, Obras e Urbanismo, Administração, Cultura e
Esporte e Ação Social. Aqui damos ênfase a construção e inauguração da primeira
unidade básica de saúde do município que fora entregue aos moradores do Bairro
Alto da Alegria.
Logo em seguida foi trazido ao conhecimento de todos os presentes outras
aquisições importantes que a gestão municipal pretende para 2016 em nosso
município sendo que muitas delas já se encontram em andamento e até quase
finalizadas como é o caso de creche pró infantil Professora Julia Amélia Cruz,
que será inaugurada ainda este mês. Outras obras estruturantes como
pavimentação de ruas, a construção do matadouro público municipal que já têm 80
por cento de suas obras concluídas. Outras aspirações do prefeito Junior foram
citadas na leitura da mensagem anual, entre elas citamos a reforma total do
mercado público municipal e a construção das outras unidades básicas de saúde
nos bairros.

Outro ponto que merece nosso destaque em nossa síntese sobre a leitura
da mensagem anual diz respeito ao compromisso da gestão municipal de apesar de
todas as dificuldades encontradas para gerir o município devido a constante
queda da arrecadação municipal (FPM) mostrou-se a ação responsável da gestão em
manter o pagamento dos servidores públicos municipais em dia e felicitamos o
prefeito Júnior por demonstrar através da mensagem o bom senso de negociar
junto aos professores da rede municipal de ensino uma melhor forma de efetuar o
pagamento do novo piso nacional do magistério. Essa é uma demonstração celebre
de uma gestão voltada para a valorização dos seus profissionais e acima de tudo
do ser humano.

Avaliamos a mensagem anual do prefeito Junior Batista como prudente,
pudemos perceber que a gestão se esforçou para fazer o melhor em 2015 mediante
tamanha crise que o país enfrenta. E em 2016 o foco será acima de tudo para o
combate a problemas existentes e a busca por soluções para combatê-los, não
deixando de vislumbrar e buscar novos benefícios para o município de Angicos e
para o nosso povo.

“Agora é Lei, transporte escolar municipal pode ser utilizado por universitários”

“A Presidente Dilma Rousseff promulgou a emenda, que autoriza os
municípios a utilizarem o transporte escolar municipal por estudantes
universitários, agora temos a Lei nº 12.816/13”, informou Efraim Filho.

O
deputado federal Efraim Filho (Democratas-PB) comemorou a promulgação da emenda
à Medida Provisória n. 593/2012, que dispõe sobre o apoio da União às redes
públicas de educação básica na aquisição de veículos para o transporte escolar.
“A Presidente promulgou a
emenda, que autoriza os municípios a utilizarem o transporte escolar municipal
por estudantes universitários, agora temos a Lei nº 12.816/13”, informou Efraim
Filho.
Conforme o deputado que
encabeçou o movimento em defesa do transporte escolar municipal para os
Universitários, a emenda teve sua aprovação confirmada no Senado Federal e foi
promulgada pela Presidente Dilma esta semana.
“Minha expectativa sempre foi
que essa emenda legislativa que aprovamos no Congresso Nacional fosse
sancionada pela Presidente Dilma, pois representa uma solução definitiva para
os universitários dos pequenos e longínquos municípios que agora podem utilizar
o transporte escolar municipal especialmente no período noturno, período esse
em que os ônibus não estão sendo utilizados, diminuindo assim as dificuldades
de concluírem o ensino superior” disse Efraim Filho.
Teor da Emenda:
Art. 5 – A União, por
intermédio do Ministério da Educação, apoiará os sistemas públicos de educação
básica dos Estados, Distrito Federal e Municípios na aquisição de veículos para
transporte de estudantes, na forma do regulamento.
Parágrafo único. Desde que não
haja prejuízo às finalidades do apoio concedido pela União, os veículos, além
do uso na área rural, poderão ser utilizados para o transporte de estudantes da
zona urbana e da educação superior, conforme regulamentação a ser expedida
pelos Estados, Distrito Federal e Municípios.

Supervisor de endemias de Angicos diz que controle do mosquito aedes aegypti no município se encontra em nível muito satisfatório

Após
ouvirmos muitos comentários e pedidos de leitores sobre em que pé se encontra a
situação de combate ao mosquito aedes aegypti que é transmissor da dengue,
febre chikungunya e zika vírus em solo angicano, a reportagem do nosso blog
resolveu procurar quem realmente está capacitado para falar sobre o tema de
forma segura e não deixar duvida nem muito menos causar pânico a população com
fatos sem nexos. 


Fomos
à secretaria municipal de saúde e procuramos o Senhor Jacauna Lopes de Araújo
que há mais de 10 anos trabalha com o combate e controle de doenças endêmicas
dentre elas as que são transmitidas pelo vetor aedes aegypti, que, são no caso
a dengue, a febre chikungunya e zika vírus.

De
forma atenciosa o supervisor nos recebeu em sua sala e nos repassou as
seguintes informações: Desde o final de mês de novembro de 2015 quando a
secretaria municipal de saúde recebeu do ministério da saúde um documento
chamado de “referencias
normativas para intensificar as ações de combate ao mosquito aedes aegypti”,
que nós que fazemos o setor de endemias estamos
realizando ações contundentes seguindo todas as normas técnicas explicitadas no
referido documento.

A
secretaria municipal de saúde tem nos dado totais condições para que realizemos
o nosso trabalho de forma a garantir o baixo índice de infestação predial, ou
seja, o numero de focos do mosquito dentro do nosso município no padrão que é
tido como seguro pelo ministério da saúde, afirmou Jacauna.

Entre
as ações que são preconizadas na normativa que fora enviado pelo ministério o
município já vinha realizando muitas delas de forma preventiva, pois, nós
trabalhamos para que o mosquito não nasça esse é o principal motivo de termos
um índice tão baixo de infestação em nossa cidade, explicou Jacauna Lopes. Só
para os amigos leitores terem uma ideia de dezembro do ano passado até meados
do mês de fevereiro deste ano a equipe de agentes de endemias já visitou e
tratou por duas vezes todas as residências, prédios e terrenos de nossa cidade
fazendo o tratamento total dos reservatórios de água, enquanto que o normal
seria esses logradouros serem visitados em formativo gradativo por ciclo como
os agentes fazem rotineiramente, no entanto, trabalhamos praticamente dobrado
para alcançar essa meta e mantermos a cidade tranquila, longe dos focos do
mosquito, disse o coordenador de endemias.

Lembramos
também que estamos realizando mutirões desde o ano passado andando bairro por
bairro, casa a casa distribuindo panfletos e recolhendo qualquer tipo de
detrito que possa a vir se tornar criadouro do mosquito contanto com a ajuda
dos agentes comunitários de saúde, da equipe de vigilância sanitária,
educadores, igrejas, enfim a sociedade civil foi mobilizada pela secretaria
municipal de saúde para nos ajudar nesta prevenção contra o mosquito aedes
aegypti.
Outra
ação digna de ser ressaltada pela atual gestão municipal é que no período de carnaval
o prefeito Municipal Junior Batista junto a secretária municipal de saúde
Jocilene Ovídio, firmaram uma parceria com a equipe dos agentes de endemias onde
estes trabalharam durante os 4 dias de carnaval e a quarta feira de cinzas
objetivando reforçar o combate a não proliferação dos criadouros do mosquito
durante o período momesco, pois, fora visto que passar cinco dias sem tratar os
reservatórios poderia desestabilizar o trabalho de não deixar o mosquito
nascer.    

Foi
montada também na secretaria de saúde uma sala de controle e enfrentamento de
casos das doenças transmitidas pelo mosquito vetor e essas informações são
repassadas diariamente para uma sala estadual que funciona em Natal, que, por
conseguinte as repassa para o ministério da saúde.

Um
último ponto que tratamos com o supervisor de endemias Jacauna Lopes foi em
relação a necessidade da vinda do chamado carro fumacê para Angicos como também
dos chamados homens fumacê ou borrifadores.

Neste
caso Jacauna nos explicou que para todos os que trabalham com endemias na FUNASA,
por exemplo, que é o órgão que faz a concessão destes carros para os
municípios, quando uma cidade solicita a vinda do carro fumacê é sinal de que a
situação está fora de controle, que já tem muitos mosquitos voando e que o
trabalho da equipe local que é o de combater o mosquito antes de ele nascer não
surtiu efeito. Portanto, solicitar o carro fumacê não é nenhuma virtude para um
prefeito ou secretário de saúde, é como se fosse o ultimo recurso a ser
utilizado, pois, esta cidade está infestada de casos das doenças e jogar veneno
na população é de fato a última alternativa, o que no momento nós garantimos
que não há essa necessidade para Angicos, relatou Jacauna.

Em
relação aos homens borrifadores, Jacauna nos explicou que estes são acionados
quando são detectados pela equipe de campo (os agentes de endemias) muitos
casos de dengue, por exemplo, é uma única localidade, aí os borrifadores são
acionados e farão uma espécie de isolamento endêmico da área afetada entrando
de casa em casa borrifando aquela localidade com o objetivo de eliminar
mosquitos que já em fase adulta (no caso a femea) e picando os moradores
daquela área causando os casos. Este exemplo que nós citamos é para que os
leitores entendam a necessidade da utilização desses profissionais, porém, em
nossa cidade até o momento não houve a necessidade de utilizar esse método,
temos os equipamentos, temos os profissionais capacitados, no entanto, temos
que ser prudentes, se não encontramos casos de precisar isolar uma área devido
a um possível surto de dengue, não há porque ficar jogando veneno nas pessoas
esclareceu Jacauna.

Foi
uma entrevista esclarecedora que fizemos com o supervisor de endemias do
município de Angicos, Jacauna Lopes de Araújo. Percebemos que este trabalha de
forma correta, sem omitir fatos e principalmente demonstrando firmeza nas
informações a nós repassadas e confiança no trabalho de sua equipe.

Parabenizamos
a toda à equipe de endemias do município de Angicos e a todas as equipes que
estão colaborando para uma melhor eficácia das ações, pois, só que ganha com isso
é a população angicana. O trabalho de combater o mosquito antes que nasça é de
fundamental importância para que um número bem menor de casos de dengue, febre
chikungunya e zika vírus venha a acontecer na cidade. Eles vão acontecer? Claro
que vão, é como 
Jacaúna nos falou, não vamos ser levianos em dizer que não
teremos casos, mais pelo trabalho que está sendo feito de prevenção com certeza
estes serão bem mais brandos que em outras localidades que já vivem em surto ou
epidemia dessas doenças.



É
importante essa conscientização da população, quando tiverem duvidas procure o
setor de endemias na secretaria municipal de saúde. Evite ficar ouvindo
informações desencontradas que só fazem causar medo e pânico nas pessoas. Esse
é o recado que o nosso blog deixa a população angicana neste momento. E vamos
continuar fazendo a nossa parte na prevenção contra o mosquito aedes aegypti
ajudando aos profissionais de saúde que combatem esse mal em nossa cidade todos
os dias buscando cumprir de forma minuciosa todas as solicitações que foram
feitas pela normativa de controle do mosquito aedes aegypti enviada pelo
ministério da saúde.        










Quadrilha estoura caixas eletrônicos do Banco do Brasil da cidade de Campo Grande

Na madrugada desta terça-feira, (16), por volta das 02hs, uma quadrilha fortemente armada, em um veículo baixo, invadiu a cidade de Campo Grande/RN, na região oeste e explodiu a agência do Banco do Brasil. Pelo menos dois caixas foram alvo do grupo, mas, em apenas um, obtiveram êxito.
Os assaltantes estavam portando armas de grosso calibre, como espingardas 12, pistolas entre outras. Para amedrontar a população, eles fizeram disparos para o alto. A Polícia Militar chegou minutos depois, onde montou pontos de bloqueios e realizou diligências no intuito de prender os marginais, mais, não obtiveram êxito.


Prefeitos potiguares vão a Brasília para evitar devolução de recursos do Fundeb



Nesta terça-feira (16), uma comissão de prefeitos potiguares, estará mobilizada em Brasília com o propósito de sensibilizar o governo federal em assuntos referentes à complementação da União ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). 


Integram a comitiva, os prefeitos de Vera Cruz, João Paulo Cabral; de Lajes, Luiz Benes Leocádio; de Santana do Seridó, Adriano de Oliveira; e, de Campo Redondo, Alessandru Alves, registra informação vinda da assessoria de imprensa da Federação dos Municípios do RN (Femurn), na capital do estado.

Os prefeitos querem a suspensão da cobrança da lista de unidades federativas que recebem aporte do Fundeb para complementação. Pelas previsões, os municípios teriam que devolver, até abril deste ano, R$ 192,4 milhões em complementações recebidas.

Dessa forma, explica a nota do órgão de comunicação da Femurn, o encontro intenciona negociar com o governo federal a possibilidade de o RN não ser penalizado com o erro do cálculo da União.

Além da abstenção da cobrança dos valores do Fundeb, os prefeitos também vão discutir as dificuldades dos municípios em relação à Lei Federal e em realizar a atualização do piso nacional salarial do magistério.

    Taxa de Licenciamento de veículos inicia vencimento no RN.

    O Detran lembra que o
    pagamento da taxa de licenciamento de veículos automotores tem os primeiros
    vencimentos planejados para esta semana. Os automóveis com placas de finais 1 e
    2 estão com os vencimentos programados para acontecer nesta terça (16) e na
    quarta-feira (17). Neste primeiro momento, a quitação deve ser realizada pelos
    proprietários de 215.851 veículos, o que corresponde a 19,37% da frota do Rio
    Grande do Norte.

    O
    valor da taxa não sofreu reajuste, permanecendo R$ 60,00 independente do ano ou
    categoria do enquadramento do transporte. Os contribuintes já começaram a
    receber nas suas residências, através de uma única correspondência, os boletos
    relativos ao licenciamento, IPVA e seguro obrigatório (DPVAT). Os boletos
    também estão disponíveis na internet, bastando que o usuário acesse o site do
    Detran e informe a placa e o número do Renavan do veículo. Já os correntistas
    do Banco do Brasil podem efetivar o pagamento diretamente no caixa eletrônico,
    informando CPF sem precisar do boleto bancário.

    O
    processo é simples, basta o usuário acessar o site do Detran (www.detran.rn.gov.br), clicar no ícone “Consulta de Veículos”
    na página principal, e logo após, digitar a placa e o Renavam do automóvel que
    deseja efetivar a verificação. Feito isso, o condutor alcança a listagem dos
    débitos referentes ao Licenciamento e IPVA do veículo. Em seguida, é só clicar
    no imposto que deseja efetuar o pagamento, e imediatamente é aberta uma nova
    tela com as opções de emissão de boleto bancário direcionado ao Banco do Brasil
    ou as demais instituições bancárias.

    O final de semana passou, e o Hospital Regional de Angicos mais uma vez ficou sem médico.

    Quem precisou de atendimento
    no Hospital Regional de Angicos neste final de semana, ao chegar àquela unidade
    foi esse aviso (da
    foto acima)
    que encontrou afixado logo na entrada. Agradecemos a
    Deus primeiramente porque o final de semana passou. Principalmente pelo fato de
    o Hospital Regional de Angicos ter ficado sem médico desde a sexta feira a
    noite (12) até o domingo (14). Foram quase 60 horas sem um médico plantonista
    para atender a população angicana e de outras cidades da região, pois, o
    hospital é regional.

    Ficamos aqui imaginando em
    meio a um grande surto que estamos vivenciando nas cidades do estado das
    chamadas “doenças de verão” que recebeu também a alcunha de “virose da mosca” o
    tamanho da aflição das pessoas que chegaram a nossa unidade hospitalar e não
    tinha o profissional médico para atendê-los. O que terá feito essas pessoas
    que, na maioria das vezes são de baixa renda e não dispõe de condições para
    irem a outro hospital em outra cidade que tenha médico.

    Aquelas pessoas que dispunha
    de condições financeiras e que algum parente seu adoeceu no final de semana
    procuraram atendimento no Hospital Regional Nelson Inácio em Assú, era o
    caminho mais próximo para recorrer ao socorro médico, e muitas vezes tendo que
    providenciar também o veiculo para locomoção, pois o nosso hospital só dispõe
    de uma ambulância que é cedida e abastecida pela prefeitura municipal de
    Angicos, pois o governo do estado nem uma ambulância após um ano de gestão teve
    iniciativa de mandar para o nosso hospital.

    Ficamos imaginando ainda
    meus amigos o tamanho da aflição dos profissionais de saúde compromissados que trabalham
    sobre escala no Hospital Regional de Angicos. Enfermeiros, Técnicos em
    Enfermagem, entre outros, vendo os cidadãos chegarem doentes e nada poderem fazer,
    pois, precisam de uma avaliação e conseguinte prescrição médica para saber como
    proceder com o paciente.

    Nas redes sociais
    acompanhamos o clamor de algumas pessoas que por estarem doentes provavelmente acometidos
    com a chamada “virose da mosca” foram ao hospital local e voltaram para casa,
    pois não tinha médico para atendê-los.

    O final de semana passou e o
    governo do estado nenhuma providência tomou. È meus amigos, o que esperar de um
    governo que fala demais, que prega a realização de grandes melhorias no estado,
    mais que na verdade isso não passa de propaganda para se promover.

    Continuamos aqui neste
    espaço aguardando uma atitude por parte do governo do estado em resolver o
    problema da falta de médico aos finais de semana no Hospital Regional de
    Angicos. Graças a Deus o final de semana passou, pois, pelo menos durante a
    semana ficamos tranquilos porque sabemos que temos ótimos profissionais na escala
    de plantão daquela unidade hospitalar, ao tempo em que aguardamos e rogamos a
    Deus e a boa vontade do Excelentíssimo Senhor Governador Robinson Faria para
    que no próximo final de semana o problema da falta de medico no Hospital Regional
    de Angicos seja resolvido em nome do clamor da nossa população.   

         

    PSOL em Angicos fará mobilização para cobrar reabertura da Escola de Inclusão Digital da Câmara Municipal de Vereadores

    Membro da direção municipal do PSOL na cidade de Angicos, o escritor Modesto Batista Neto confirma que no dia 27 deste mês, um sábado, haverá a realização de um encontro dos integrantes do diretório da legenda.

    Um dos assuntos pautados para tal ocasião, declarou o dirigente, é a discussão sobre a retomada da luta em prol da revitalização da Escola de Inclusão Digital localizada nas dependências do Poder Legislativo angicano.

    O dirigente do PSOL responsabiliza a atual presidente da câmara, vereadora Nataly da Cunha Felipe de Souza (PTB), pela paralisação de tal órgão. 

    Em gestões anteriores, como, por exemplo, do antecessor da atual presidente Nataly Felipe, o Vereador Francisco Batista Filho (“Junior de Chicola) do PSD que esteve a frente da presidência da Câmara Municipal de Angicos nos anos de 2013 e 2014 adquiriu novos computadores, reequipando e modernizando a Escola de Inclusão Digital onde formou diversas turmas em iniciação em computação. 

    O projeto de inclusão digital foi criado pela própria Fecam (Federação das Câmaras Municipais do Rio Grande do Norte) com o objetivo de dar oportunidade as famílias de baixa renda nas cidades potiguares de darem aos seus filhos uma iniciação básica no mundo da informática. Desde do ano passado (2015) quando a Vereadora Nataly Felipe (PTB) assumiu a presidência do poder legislativo angicano que o programa de inclusão digital se encontra inativo.  

    Modesto Neto adiantou que o partido mobilizará a sociedade do município em defesa de tal proposta e, em seguida, discutirá o tema com a representação do Ministério Público da comarca local.

    PIS será liberado na terça-feira para nascidos em março e abril

    Os trabalhadores nascidos nos meses de março e abril poderão sacar o abono salarial do Programa de Integração Social (PIS) a partir de terça-feira (16). 
    O saque do benefício pode ser feito nas agências da Caixa Econômica Federal ou por meio do Cartão do Cidadão nos canais de autoatendimento do banco, casas lotéricas e correspondentes Caixa Aqui.
    Também serão pagos os rendimentos do saldo de quotas do PIS para os trabalhadores cadastrados no programa até 04/10/1988. Para saber se tem direito a receber o benefício de um salário mínimo, o trabalhador pode ligar no 0800 726 0207, opção 1, ou consultar o site da Caixa. Correntistas recebem o crédito do pagamento diretamente nas suas contas.

    Escassez de água no estado e a CAERN dando mal exemplo em Angicos

    Tem coisas que não pra entender, hoje pela manhã rolou
    nas redes sociais um vídeo que fora feito por uma cidadã que reside próximo ao
    escritório local da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (CAERN)
    que mostra o desperdício de água promovido pela empresa.
    O vídeo dura poucos segundos, mais segundo a moradora
    explicitou nas redes sociais uma das caixas d’água da CAERN local permaneceu
    sangrando e desperdiçando água potável por mais de uma hora.
    Meus amigos realmente têm coisas que não pra entender. Já
    dizia o velho ditado: “Em casa de ferreiro o espeto é de pau”, que moral a
    CAERN terá para pedir à população que economize água enquanto age dessa
    maneira? Com a palavra os responsáveis pelo escritório local da CAERN, só eles
    podem explicar o motivo de desperdiçar tanta água enquanto que a crise hídrica assola
    o nosso estado.    

    Calendário de pagamento do bolsa familia referente ao mês de fevereiro foi iniciado nesta sexta-feira (12)

    Os pagamentos do programa Bolsa Família de fevereiro começaram nesta sexta-feira (12). Os primeiros beneficiários são os com o Número de Identificação Social (NIS) terminado em 1.

    Neste mês, o programa vai complementar a renda de 14 milhões de famílias. No total, serão transferidos R$ 2,2 bilhões, com valor médio do benefício de R$ 160,75. O restante dos pagamentos será feito até o dia 27, um sábado.

    Para saber em que dia sacar o dinheiro, a família deve observar o último dígito do NIS impresso no cartão. Para cada final do Número de Integração Social (NIS), há uma data correspondente que indica o primeiro dia em que a família pode fazer o saque.

    Os recursos ficam disponíveis por 90 dias, salienta informação do Portal Brasil. O valor repassado depende do número de membros da família, da idade de cada um e da renda declarada no Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal.

    ABSURDO E FALTA DE COMPROMISSO DO GOVERNO DO RN: Mais um final de semana, e o Hospital de Angicos sem médico.

    Olha amigos leitores, esperamos o que tínhamos que
    esperar, até porque não se trata de uma questão político partidária, se trata
    de uma questão do bem comum, é de vidas humanas que estamos falando minha
    gente.
    Não é possível que mais um final de semana chegue e a
    mesma coisa se repita o mesmo ato irresponsável de um governo que fala muito e
    age pouco. Meus amigos é inadmissível que o Hospital Regional de Angicos mais
    um final de semana fique sem médico e ninguém faça nada.
    E não estamos aqui nos referindo aos ótimos profissionais
    que lá trabalham não, pois, são comprometidos com o que fazem. Enfermeiros, técnicos
    em enfermagem, bioquímicos, recepcionistas entre outras categorias, esses merecem nosso aplausos, no entanto, nada podem fazer pra resolver o problema.
    Dizemos ninguém, nos referindo a classe política local,
    principalmente os que têm acesso ao governo do estado. Não dá pra entender como
    é que um governo que está no exercício a mais de um ano não saiba que o
    hospital regional de Angicos está ficando sem médico aos finais de semana?
    Claro que sabe meus amigos o problema é falta de vontade de resolver e falta de
    empenho dos que têm acesso a ele (governador).  
    Recentemente em uma reunião com o senhor secretário
    estadual de saúde onde o prefeito local participou junto a secretária municipal
    de saúde e a diretora do hospital regional de Angicos o que vimos foi o governo
    transferido a sua responsabilidade para os municípios que já se encontram tão
    combalidos pela escassez de recursos. O prefeito de Angicos com muita
    dificuldade se comprometeu em fazer um esforço para a partir do mês de março
    colocar médicos plantonistas no hospital regional para suprir essa falta de
    profissionais que está acontecendo há mais de um ano e que não se faz nada,
    absolutamente nada pra se resolver.
    Aí nós perguntamos se houve essa contrapartida por parte
    do município de Angicos em fornecer médicos a partir do mês de março para
    suprir a escala do hospital local porque o governo do estado não assumiu o
    compromisso de mandar médicos pelo menos durante este mês de fevereiro? È falta
    de boa vontade amigos, infelizmente não há outra explicação.
    Nós retrucamos muito em fazer esse comentário aqui no
    blog, para não parecermos oportunistas, mais tudo tem um limite, e, a situação chegou
    a um ponto que não dá mais pra ficarmos calados, pois, se ficássemos estaríamos
    sendo irresponsáveis. Estamos em meio a um grande surto de viroses. Aí vocês
    imaginem pessoas chegando ao hospital local com febre, diarreia, vomito entre
    outros sintomas e não ter médico para ser atendido, para onde essas pessoas irão
    meus amigos? A quem elas irão recorrer?
    Pra finalizar gostaríamos de pedir aos companheiros
    blogueiros da cidade que não se calem perante tamanho absurdo, pois, repetimos não
    se trata de um problema político partidário local, trata-se de um bem maior que
    as pessoas têm que é a sua saúde. 

    Então vamos cobrar companheiros, o que não
    adianta é tentarmos ficar “tapando o sol com uma peneira” para tentar agradar A
    ou B, pois todos nós temos família e a próxima vitima pode vir a ser um de nós
    ou um dos nossos familiares. Vamos cobrar a quem de direito, que neste caso é o
    governo do estado que resolva esse absurdo que é o Hospital Regional de Angicos
    passar o final de semana sem médico para atender a população.       

    Parabéns ao Vereador Jalmir Dantas, seja bem vindo ao mundo dos intelectuais.

    Uma conquista pessoal sacramentada na noite desta sexta
    feira (12) pelo vereador angicano Jalmir Dantas e que foi compartilhada por
    familiares, amigos e companheiros políticos. O edil participou da solenidade de
    entrega de diplomas de graduação do curso tecnólogo em gestão pública a qual se
    submeteu e terminou recentemente.  
    A cerimônia foi realizada no Campus da Universidade Federal
    do Rio Grande do Norte (UFRN) na capital do estado (Natal). Junto com Jalmir
    estavam a sua inseparável companheira Cinara Dantas, que foi também a sua madrinha de formatura, além de muitos familiares
    e amigos, dentre os quais o amigo e líder político o ex-prefeito Doutor Ronaldo.
    Em conversa com a nossa redação Jalmir disse que aquele
    momento se caracterizava com a realização de um grande sonho, não só pessoal,
    mas, pelo fato de ter sido um desejo de seus pais vê-lo “formado” como dizemos
    no popular. Jalmir como pessoa muito temente a Deus que é, finalizou a nossa conversa
    agradecendo a ele (Jesus Cristo) por mais essa vitória alcançada em sua vida
    pessoal.
    NOTA
    DO BLOG: Mais uma vez felicitamos o Vereador Jalmir pela vitória alcançada,
    agora com um “canudo” na mão você, Jalmir, só faz ratificar a sua capacidade intelectual
    que todos os que te rodeiam conhece e admira. Parabéns.

    Censo previdenciário para funcionários do estado começa na próxima segunda feira, Angicos será cidade polo na sede da 8ª Direc

    O
    Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio da Secretaria da
    Administração e dos Recursos Humanos (Searh) e do Instituto de Previdência dos
    Servidores Estaduais (Ipern), em parceria com o Ministério da Previdência
    Social (MPS) e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), desde o dia 26
    de outubro de 2015 realiza o Censo Cadastral Previdenciário do RN.


    Aproximadamente 99 mil servidores efetivos vinculados ao Regime Próprio de
    Previdência Social (RPPS), entre ativos, aposentados e pensionistas do Poder
    Executivo Estadual foram convocados a comparecer com a documentação
    necessária (ORIGINAIS ou CÓPIAS AUTENTICADAS) para o recadastramento. A
    atualização da base de dados de previdência segue até março de 2016. O
    recadastramento é uma obrigação legal e realizado de forma presencial.

    O
    servidor ativo ou aposentado que não realizar o censo previdenciário terá o
    pagamento de sua remuneração ou provento bloqueado a partir do mês
    imediatamente posterior ao período do recadastramento, ficando a liberação
    condicionada à realização do censo.
    O
    atendimento é realizado em três etapas: a primeira consiste na triagem para
    orientação e a conferência dos documentos exigidos; a segunda para
    digitalização dos documentos; e a terceira para a correção, atualização e complementação
    dos dados cadastrais no SIPREV/Gestão, ferramenta de gestão das informações
    referentes aos servidores públicos que possuam RPPS.
    O
    Censo Cadastral Previdenciário é uma iniciativa integrante do Programa de Apoio
    à Modernização da Gestão do Sistema de Previdência Social (Proprev) – segunda
    fase – do Ministério da Previdência Social, destinado a estados e municípios.
    No Rio Grande do Norte, a empresa executora é a Webtech Softwares e Serviços. –
    http://www.escoladegoverno.rn.gov.br
    Nesta
    que será a 3ª Etapa – Servidores da ativa, aposentados e pensionistas lotados e
    residentes no interior do Estado De 15 de fevereiro a 11 de março de 2016, nas
    unidades de atendimento dos municípios-polo (Açu,
    Angicos, Apodi, Caicó, Ceará-Mirim, Currais Novos, Goianinha, João
    Câmara, Macau, Mossoró, Nova Cruz, Parnamirim, Pau dos Ferros, Santa Cruz, São
    Paulo do Potengi e Umarizal). Maiores informações
    no www.melhorparavoce.rn.gov.br. – http://www.escoladegoverno.rn.gov.br
    Aqui
    em Angicos o censo previdenciário será realizado na sede da oitava diretoria
    regional de educação e cultura (DIREC) atendendo as cidades da circunscrição do
    órgão, sendo além de Angicos, Afonso Bezerra, Lajes, Pedro Avelino, Santana do
    Matos, Fernando Pedrosa e bodó.  
    %d blogueiros gostam disto: